[the_ad_group id="16401"]
Especialidades

Virgem? Descubra mitos e verdades sobre a primeira vez

Por Redação Doutíssima 03/06/2013

Há tantas histórias sobre sexo que muitas vezes é difícil saber em quais acreditar. Para quem está pensando em ter a primeira vez, é essencial ir em busca dessas informações de forma precisa, já que há muitos fatores que contribuem para uma vida sexual saudável. Assim, é possível fazer sexo sem medo e com responsabilidade.

 

Perder ou não a virgindade?

Em média, os jovens iniciam algum tipo de atividade sexual na faixa dos 13 aos 17 anos de idade, segundo uma pesquisa realizada pelo Projeto Sexualidade (ProSex) do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP).

primeira vez

Na primeira relação sexual, é preciso estar preparado para assumir algumas responsabilidades. Foto: iStock

Por outro lado, um estudo feito pelo governo americano mostra que a maioria dos jovens não se casa antes dos seus 20 e poucos anos.

 

Esses dados significam que entre o início da atividade sexual e o relacionamento sério, os jovens podem ter maiores riscos de uma gravidez indesejada e até mesmo de contrair doenças sexualmente transmissíveis. Assim, é preciso estar consciente sobre tudo o que envolve uma vida sexual ativa.

 

Não há hora certa para a primeira vez, mas é preciso estar preparado para assumir essa responsabilidade. Existem muitos mitos sobre esse momento e é preciso desvendá-los. Do contrário, os jovens muitas vezes não conseguem ter uma vida sexual saudável e até mesmo podem vivenciar algo traumático e doloroso.

 

Verdade ou mentira: mitos da primeira vez

1. Mito: todos os meus amigos estão fazendo sexo

Fato: considere as estatísticas. Mais da metade dos adolescentes são virgens até pelo menos 17 anos de idade. Não acredite em tudo que você ouve porque muitas pessoas mentem e exageram. Faça o que é melhor para você.

 

2. Mito: você não pode engravidar na primeira vez que fizer sexo

Fato: é possível engravidar a qualquer momento, até mesmo se você usar um preservativo ou outra forma de controle de natalidade – embora nesse último caso as chances sejam reduzidas. O único método 100% infalível de prevenir a gravidez é não ter relações sexuais.

 

3. Mito: você não fica grávida se fizer sexo menstruada

 

Fato: se você tem um ciclo curto, vai começar a ovular até o final da sua menstruação. Combine isso com o fato de que o esperma é capaz de sobreviver por até cinco ou seis dias após o sexo, e você tem uma receita para a gravidez.

 

4. Mito: vai doer e sangrar quando tiver relações sexuais pela primeira vez

Fato: depende. As meninas podem sangrar quando seu hímen for rompido, mas isso nem sempre acontece no sexo – pode acontecer antes, sendo que algumas até nascem sem ele. Quanto a dor, é capaz de estar mais associada à tensão do momento, principalmente se você não estiver completamente excitada.

 

5. Mito: os preservativos podem ser reutilizados

Fato: Absolutamente não. Preservativos são feitos para serem usados e descartados. Jamais tente reutilizá-lo, jogando-o fora logo depois da relação.

 

6. Mito: as pílulas anticoncepcionais são eficazes assim que você começa a tomar

Fato:  as pílulas anticoncepcionais são hormônios que devem ser tomados de forma consistente ao longo de um ciclo menstrual completo para serem eficazes. Os hormônios precisam de tempo para se acumular em seu corpo. Além disso, é importante tomar a pílula no mesmo horário e não pular dias.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 

 

É fã do Doutíssima? Acompanhe o nosso conteúdo pelo Instagram!


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]