[the_ad_group id="16401"]
Maquiagem

Rímel: quais os tipos e para quê servem?

Por Redação Doutíssima 03/07/2013

rimel topo

Rímel é o aliado imprescindível para uma maquiagem perfeita. Mas com tantos tipos e marcas diferentes, como escolher o rímel que mais se adapta à sua maquiagem?

 

Tipos de rímel

tipos de rimel 2

– Preto: O básico de toda maquiagem. Destaca e alonga o cílios, dando sensualidade ao olhar.

– Tubular: Esse tipo de máscara possui fibras de alta tecnologia que cria uma camada em torno dos cílios, ajudando a dar mais volume.

– Marrom: Embora não muito usado, ele pode ser uma boa opção para quem tem a pele muito clara e quer dar um ar mais natural à maquiagem.

– Transparente: Ideal para quem procura algo bem discreto. Ele também é bom para pentear as sobrancelhas e mantê-las no lugar.

– Colorido: Este tipo é para aquelas que tem estilo. Roxo, azul, rosa, verde, os rímeis coloridos dão aquele algo mais à produção, especialmente se você vai sair a noite ou alguma ocasião mais descolada. Para aparecer melhor, aplique várias camadas sem aplicar o preto por baixo.

– Com um lado preto e outro branco:  Este funciona bem para quem tem poucos cílios. A parte branca que deve ser aplicada em primeiro lugar, ajuda a dar mais volume ao cílios, enquanto a preta dá aquela finalização.

– À prova d’água: Este tipo de longa duração é para quem precisa que a maquiagem dure por bastante tempo. O único problema é que ele gruda bastante e como os cílios ficam bem duros, eles podem se quebrar facilmente.

 

Tipos de aplicador

tipos de rimel

– Cerdas curtas e grossas: Ajudam a depositar mais produtos no cílios, dando mais volume.

– Cerdas finas e duras: Elas são boas para aplicar o produto mesmo nos menores fios. E a não deixar os cílios grudados.

– Cerdas bem separadas: Para cílios bem soltos.

– Cerdas alternadas: Possui cerdas de tamanhos diversos, favorecendo todos os tamanhos de cílios. Ajudam a dar volume e tamanho.

– Tradicional: Dão um ar mais natural, sem alongar demais ou dar muito volume. Um look mais discreto.

– Cerdas no formato de pente: Penteiam e alongam os cílios, além de deixá-los bem separadinhos.

– Pente e cerdas: Ajudam a definir melhor os cílios.

– Cerdas em formato de C: Ajudam a levantar os cílios. Ideal para cílios caídos.

– Cerdas em formato de ouriço: Este tipo é ótimo para pegar até os cílios mais rebeldes no cantinho do olho.

– Cerdas coloridas: São bons para te dar uma noção de quando o rímel está acabando ou ficando ressecado.

 

Lembrete: O rímel tem uma vida útil de no máximo 6 meses. Depois disso é recomendado a troca por um novo, pois depois de aberta a embalagem, bácterias podem começar a proliferar causando lacrimejamento e ardência nos olhos.

 

Fonte: Capricho

 


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]