[the_ad_group id="16401"]
Clínica Geral

Saiba tudo sobre a foliculite e como tratá-la

Por Redação Doutíssima 09/08/2013

foliculite

Já ouviu falar em foliculite? Ela se parece muito com a acne, mas ocorre em locais diferentes. Ao contrário da acne, causada pela oleosidade, que costuma aparecer no rosto, tronco e colo, a foliculite é uma inflamação causada pela entrada da bactéria estafilococos no folículo polissebáceo e se manifesta mais comumente nas costas, coxas, nuca e nádegas, apresentando ou não pus. Para identificar a foliculite, é importante ficar atento à dor, pois ela pode indicar que a inflamação está virando um furúnculo ou celulite, isso se deve às bactérias causadoras da foliculite que atingem uma parte mais profunda da pele.

 

Situações que podem desencadear a foliculite

  • Depilação
  • Picada de inseto

 

Como diferenciar da espinha

FOLICULITE                                                X                                                ESPINHAS

não tem relação direta                                                                     tem relação direta com a
com a oleosidade da                              ORIGEM                                oleosidade da pele
pele

alta quantidade da                                CAUSAS                                hormônios e bactérias
bactéria estafilococos

dorso das costas, coxas                    LOCALIZAÇÃO                        rosto, tronco e colo
cabeça e nádegas

 

Prevenção & Tratamento

Esfoliação da pele, seja com produtos específicos ou remédios caseiros (como açúcar com água, por exemplo) pode ajudar a tratar a foliculite. Outra dica é usar roupas mais largas tanto para prevenir quanto para tratar o problema.

Para quem já apresenta algum outro tipo de lesões na pele, é importante usar um sabonete antisséptico nos locais afetados. Manter as unhas aparadas e limpas podem ajudar a prevenir as erupções. E para casos mais avançados, os médicos costumam receitar pomadas ou remédios.

Existem alguns cuidados básicos com a pele que não devem ser ignorados e podem ser o suficiente para evitar um quadro mais grave de foliculite. Mesmo que a oleosidade não seja a causa da foliculite, ela pode ser um fator agravante, portanto limpe bem a sua pele. Se você usa maquiagem, use um demaquilante. Um sabonete de limpeza profunda e um adstringente sem álcool serão essenciais para limpar de verdade, para fechar os poros e remover o excesso de sebo. Para terminar, o ideal é hidratar a pele com produtos à base de gel.

Segundo especialistas, o momento mais importante para limpar a pele é à noite, antes de dormir.

 

Fonte: G1


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]