[the_ad_group id="16401"]
Guia dos Dentes

Liberação da maconha: a favor ou contra a saúde bucal

Por Redação Doutíssima 08/11/2013

maconha-6

Vamos para mais um assunto polêmico e que divide a sociedade entre os contra, os a favor e os que não estão muito preocupados para a liberação ou não do uso desta droga chamada maconha. São marchas, campanhas e um governo fazendo cada vez mais vista grossa no que diz respeito à fiscalizar os usuários. Ao meu ver, não só no Brasil mas a nível mundial, a maconha já foi legalizada mas “sob os panos”. É comum sentir um cheirinho de alguém fumando nas praias, paradas de ônibus, andando na rua ou mesmo a fumaça que vem da casa do vizinho, nem vou falar dentro de boates. Meu papel não é entrar na parte social do uso da maconha mas nos efeitos que ela pode causar nos dentes e na cavidade bucal. E ai, o uso da maconha faz mal para os dentes ou para a cavidade bucal como um todo? 

maconha-5

A história da maconha já se reporta a mais de 5000 anos com diversas civilizações e culturas utilizando. No Brasil, tudo começou por volta do século XVIII, para a produção de “cânhamos”. Os utilizadores de maconha são vários e alguns dados mostram quantidades populacionais na casa dos milhões:

– Em torno de 162 milhões de pessoas usuários de maconha pelo menos uma vez por semana que seria em torno de 4% da população mundial.

– Em torno 25 milhões a consomem diariamente.

maconha-4

Não vou entrar na parte química da maconha e estudo da ação do THC que é, dentre as diversas substâncias que são liberadas na utilização da maconha, a que mais significativamente age no cérebro. Já sabemos que são diversas as alterações cerebrais como alteração da memória de curto prazo, coordenação, aprendizado e a capacidade de solução de problemas.

maconha-1

São várias as pesquisas que existem sobre os efeitos da maconha na cavidade bucal, uma bem comum de acharmos na internet é de uma faculdade de Odontologia em Dunedin, Nova Zelândia. Nessa pesquisa, foram apresentados resultados como:

–  Usuário de maconha tem duas vezes mais chances de perder os seus dentes do que aqueles que não têm este hábito.

– A gengivite é quatro vezes maior nos fumantes de maconha.

– O mais grave visto por várias pesquisas é o fato de o usuário ter uma tendência a relaxar no que diz respeito a hábitos de higiene geral e com isso, a higiene bucal fica mais esquecida ainda. Esse é o pior dos fatores do uso dessa plantinha mágica.

– Há pesquisas que mostram uma xerostomia provocada pelo uso da maconha. Essa boca seca causa uma série de problema que agravam o quadro.

– Qualquer fumaça tem tendência de provocar escurecimento dos dentes.

maconha-2

Então meus caros leitores, claro que nenhum vício é benéfico à saúde. Precisamos procurar dar prazer ao nosso cérebro com coisas que não façam mal ao nosso corpo. Um organismo saudável vai lhe dar muito mais prazer do que qualquer droga. E não me perguntem o motivo de mesmo assim, o Bob Marley estar em todas as fotos com os dentes brancos e gengivas saudáveis (pelo menos nas fotos), vou investigar isso.

 


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]