Gestante

4 Causas de pré-eclâmpsia

Por Redação Doutíssima 20/01/2014

200523301-001_pre-eclampsia_342x198

Existem muitas teorias, mas ninguém sabe ao certo o que causa a pré-eclâmpsia.

Nós já explicamos melhor e com mais detalhes aqui neste texto. Aqui você encontra as principais causas da pré-eclâmpsia.

  1. Uma ligação genética. Pesquisadores desenvolveram a hipótese de que a genética do feto pode ser um dos fatores que predispõe a gravidez à pré-eclâmpsia. Por isso, se sua mãe ou a mãe de seu esposo tiveram pré-eclâmpsia durante a gravidez, você pode apresentar maior probabilidade de ter pré-eclâmpsia durante a sua gravidez.
  2. Defeito em um vaso sanguíneo. Foi sugerido que esse defeito causa a constrição dos vasos sanguíneos em algumas mulheres durante a gravidez, quando eles deveriam ser dilatados. Como resultado desse defeito, os pesquisadores sugerem que uma queda no fornecimento de sangue a órgãos como rins e fígado leva à pré-eclâmpsia. O fato de que as mulheres que desenvolvem pré-eclâmpsia na gravidez correm maior risco de apresentar doenças cardíacas futuramente também parece indicar que esse problema pode ser resultante da predisposição à pressão alta em algumas mulheres.
  3. Periodontite. Mulheres grávidas com periodontite severa têm mais que o dobro de chance de desenvolver pré-eclâmpsia que as mulheres com gengivas saudáveis. Os especialistas acreditam que a infecção que causa periodontite pode viajar para a placenta ou produzir elementos químicos que podem causar pré-eclâmpsia. Por fim, não sabemos se a periodontite causa pré-eclâmpsia ou se está apenas associada a ela.
  4. Resposta imunológica contra um corpo estranho: o bebê. Essa teoria implica que o corpo feminino torna-se “alérgico” ao bebê e à placenta. Essa “alergia” causa uma reação no corpo da mãe que pode danificar os vasos sanguíneos. Quanto maior a semelhança entre a genética materna e paterna, maior será a chance desta resposta imunológica ocorrer.

 

Leia também:

Manual da gestação após os 35 anos

Conheça as causas do nascimento de prematuros

Saiba mais sobre pressão arterial na gravidez


Sites parceiros