fibromialgia

O que é Fibromialgia?

A fibromialgia é uma síndrome comum em que uma pessoa sofre de dores por todo o corpo por longos períodos, com sensibilidade nas articulações, nos músculos, nos tendões e em outros tecidos moles. A fibromialgia também está relacionada à fadiga, distúrbios do sono, dores de cabeça, depressão e ansiedade.

Trata-se de uma patologia relacionada com o funcionamento do sistema nervoso central e o mecanismo de supressão da dor que atinge, em 90% dos casos, mulheres entre 35 e 50 anos. A fibromialgia não provoca inflamações nem deformidades físicas, mas pode estar associada a outras doenças reumatológicas o que pode confundir o diagnóstico.

Causas

A causa é desconhecida. As possíveis causas ou os desencadeadores da fibromialgia incluem:

  • Trauma físico ou emocional
  • Resposta anormal à dor, em que áreas do cérebro responsáveis pela dor podem reagir de forma diferente em pacientes com fibromialgia
  • Distúrbios do sono
  • Infecção, como um vírus, embora nenhum tenha sido identificado

A fibromialgia é mais comum em mulheres com idade entre 20 e 50 anos.

As seguintes doenças podem acompanhar a fibromialgia ou imitar seus sintomas:

  • Dor crônica no pescoço ou nas costas
  • Síndrome da fadiga crônica
  • Depressão
  • Hipotireoidismo (tireoide inativa)
  • Doença de Lyme
  • Distúrbios do sono

 

fibromialgia

 

 

Sintomas de Fibromialgia

A dor é o principal sintoma da fibromialgia. Ela pode ser leve ou intensa.

  • As regiões doloridas são chamadas de pontos de sensibilidade. Os pontos de sensibilidade se encontram no tecido mole da nuca, ombros, tórax, região lombar, quadris, canelas, cotovelos e joelhos. A dor então se espalha a partir dessas áreas.
  • A dor pode ser percebida como profunda ou uma dor aguda e ardente.
  • As articulações não são afetadas, embora possa parecer que a dor venha das articulações.

 

Principais pontos de sensibilidade da fibromialgia:
fibromialgia

 

As pessoas com fibromialgia tendem a acordar com dores no corpo e rigidez. Em alguns pacientes, a dor melhora durante o dia e piora à noite. Outros pacientes sentem dor o dia inteiro.

A dor pode piorar com atividades, clima frio ou úmido, ansiedade e estresse.

Fadiga, estado deprimido e distúrbios do sono são observados em quase todos os pacientes com fibromialgia. Muitos afirmam que não conseguem dormir ou continuar dormindo e que se sentem cansados quando acordam.

Outros sintomas de fibromialgia podem incluir:

  • Síndrome do intestino irritável (SII)
  • Problemas de memória e de concentração
  • Dormência e formigamento nas mãos e nos pés
  • Palpitações
  • Redução na capacidade de se exercitar
  • Cefaleia tensional ou enxaqueca

 

Tratamento Fisioterapêutico

A fisioterapia é muito importante para o tratamento da fibromialgia pois ela conseguediminuir a dor, o cansaço, promover o relaxamento, melhorar a flexibilidade e a qualidade do sono destes indivíduos.

Alguns recursos fisioterapêuticos que ajudam a controlar os sintomas da fibromialgia são:

  • Aparelhos de eletroterapia como laser, ultrassom, TENS e biofeedback que podem ser utilizados para combater ospontos dolorosos da fibromialgia e melhorar a circulação local; e
  • Recursos fisioterapêuticos manuais como massagem, quiropraxia e exercícios de alongamentos, que ajudam a diminuir a dor, aumentam a mobilidade e a flexibilidade, combatem a fadiga e melhoram a qualidade do sono.

Quando a fisioterapia é utilizada em conjunto com a prática de exercícios de baixa intensidade como caminhar, fazer Pilates, nadar ou andar de bicicleta os resultados são ainda melhores. Isso porque os exercícios melhoram o funcionamento cardiorrespiratório, produzem endorfinas, melhoram a qualidade do sono e fortalecem os músculos combatendo a fadiga e o cansaço.

Entretanto, como a fibromialgia é uma doença crônica, o indivíduo poderá potencializar o tratamento recorrendo à acupuntura, auriculoterapia, reflexologia, terapia do sono, aromaterapia e fitoterapia, se achar necessário, para conseguir diminuir drasticamente os sintomas da doença e assim melhorar a sua qualidade de vida.

 


DEIXE UMA RESPOSTA