[the_ad_group id="16401"]
Clínica Geral

7 dicas para aliviar as câimbras

Por Redação Doutíssima 10/02/2014

Woman exercising at home

Entre a sua mente sobrecarregada e a sua barriga saliente, você provavelmente tem problemas suficientes sem que as câimbras nas pernas provoquem espasmos em seu estilo de dormir. Infelizmente, esses espasmos dolorosos que se irradiam para cima e para baixo de suas panturrilhas e ocorrem com mais frequência à noite são muito comuns entre as gestantes, nos segundo e terceiro trimestres.

Ninguém sabe ao certo o que causa câimbras nas pernas. Várias teorias culpam a fatiga de carregar o peso da gravidez, a compressão dos vasos sanguíneos nas pernas e, possivelmente, a dieta (um excesso de fósforo e escassez de cálcio ou magnésio). Você também pode culpar os hormônios, já que eles parecem causar tantas dores na gravidez.

Quaisquer que sejam as causas há maneiras de prevenir e aliviá-las:

 

  1.  Quando ocorrer a câimbra na perna, não se esqueça de esticar a perna e flexionar o tornozelo e os dedos lentamente em direção ao seu nariz (não aponte os dedos dos pés para frente). Isto deve diminuir a dor logo. Fazendo isso várias vezes com cada perna antes de ir para a cama a noite pode até mesmo ajudar a evitar as câimbras.
  2. Exercícios de alongamento também podem ajudar a parar as câimbras antes de elas atacarem. Antes de você ir para a cama, fique de pé contra a parede – cerca de 2 pés de distância da parede – e coloque as palmas das suas mãos contra a parede. Incline-se para frente, mantendo os calcanhares no chão. Segure este alongamento por 10 segundos, então relaxe por 5 minutos. Faça isso três vezes.
  3.    Para aliviar a carga diária sobre as suas pernas, coloque os pés para cima quantas vezes você puder, alterne períodos de atividade com períodos de descanso e use a meia elástica durante o dia. Flexione os seus pés periodicamente.
  4.    Tente ficar de pé em uma superfície fria, o que às vezes pode estancar o espasmo.
  5.     Você pode adicionar massagem ou aquecer o local para alívio adicional, mas não faça massagem ou coloque calor se nenhuma dessas coisas ajudar a situação.
  6.      Cerifique-se de você está bebendo bastante líquido, pelo menos oito copos por dia.
  7.      Faça uma dieta bem equilibrada que inclui bastante cálcio e magnésio.

Câimbras muito fortes podem deixar o músculo doido por alguns dias. Não há nada com que se preocupar. Mas se a dor for grave e persistir, contate o seu médico porque há uma pequena possibilidade de um coágulo de sangue ter se desenvolvido em alguma veia, e para isso é preciso tratamento médico.


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]