[the_ad_group id="16401"]
Gestante

Sonolenta? Saiba como lidar com as alterações do sono na gravidez

Por Redação Doutíssima 21/03/2014

A gravidez causa um grande impacto sobre o sono da mulher. No princípio aparece uma sonolência constante, com o passar do tempo, a barriga incomoda à gestante a encontrar uma posição confortável. A grávida pode ter dias de insônia e também passar a roncar durante a noite. Saiba mais sobre as alterações do sono na gravidez.

sono na gravidez

 

 

Os hormônios são os culpados pelas alterações do sono na gravidez

 

A principal razão pela qual as gestantes sofrem com distúrbios do sono na gestação é a mudança e a elevada taxa de hormônios. Principalmente no começo da gestação, seu corpo ainda está se acostumando com esses hormônios que deixam a grávida mais ativa, causando dificuldade para dormir, sono leve e pesadelos. Essas alterações são perfeitamente normais e afetam a maioria das mulheres. Ao passar do tempo, a barriga da gestante vai crescendo e o problema passa a ser encontrar uma posição cômoda na hora do sono na gravidez. Essa fase é também quando as grávidas costumam ter sonolência durante e dia, mas muitas vezes dormir à noite é bastante difícil.

sono na gravidezO sono na gravidez também pode ser influenciado por outras questões. O crescimento do bebê, que pressiona sua bexiga e causa vontade de ir ao banheiro frequente; o bebê também pressiona o estômago e pode causar azia. Igualmente há o aumento do metabolismo na gestação, que deixa a grávida mais ativa e a prepara para o nascimento.

Contudo, muitas gestantes devem ficar atentas aos sinais de distúrbios de sono na gravidez. Segundo Geisa Quental, médica homeopata da Associação Paulista de Homeopatia (APH)“distúrbios do sono em gestantes e lactantes não são necessariamente uma doença, mas sintomas que indicam que algo está errado e precisa ser corrigido”. Ela diz que pior do que não dormir são as consequências de uma noite em claro: “A maior queixa das grávidas em relação às consequências dos distúrbios do sono são as alterações no humor, brigas com o parceiro, crises de angústia, aumento da ansiedade e queda da imunidade,” explica Geisa.

 

Para controlar e evitar os problemas relacionados ao sono na gravidez, existem medidas simples que a gestante e seu médico podem tomar:

 

– Faça um ritual para dormir. Vá diminuindo gradualmente seu ritmo, procurando fazer atividades que relaxem desde o começo da noite.

– Antes de ir para a cama, peça massagens relaxantes para seu companheiro, faça alongamentos. Seu sono será estimulado.

– É importante manter o peso estável e praticar exercícios durante o dia. Isso auxilia no sono, ajuda a manter uma boa pressão arterial e evita diversos problemas na gestação e no parto.

– Mantenha uma dieta leve e saudável, de fácil digestão. Nada de comer alimentos gordurosos ou picantes no jantar. Evite a acidez estomacal.

– A televisão não é sua aliada. Se você tiver uma tv no quarto, desligue-a para dormir. Prefira dormir com o quarto escuro e sem barulho.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!

 

Saiba mais:

 

Gravidez semana a semana: vigésima sétima semana de gestação

Entenda o que pode causar a gravidez ectópica e quais os principais sintomas

Mulheres que ingerem álcool na gravidez aumentam as chances de ter um bebê prematuro

Conheça o aparelho que permite monitorar a gravidez pelo celular

Sintomas da gravidez: evidências que não enganam

Quais são os melhores exercícios para gravidez

A eterna dúvida: a mulher pode pintar o cabelo durante a gravidez?


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]