Dica do Dermatologista

Passar limão vale? Veja algumas dicas caseiras para acabar com o mau cheiro nas axilas

Por Redação Doutíssima 25/03/2014

mau cheiro nas axilas Mau cheiro nas axilas é um problema que causa um desconforto enorme para quem o tem e, claro, para quem está perto. É justamente por isso que muitas pessoas permanecem caladas e têm vergonha de buscar ajuda, seja com profissionais ou amigos.

Antes de tudo, é necessário explicar o suor e as glândulas que o produzem, as glândulas sudoríparas. Essas glândulas se dividem em dois tipos, as écrinas e apócrinas. As glândulas écrinas são as mais comuns, estão distribuídas por todo o corpo e têm como função regular temperatura corpórea.

Já as glândulas apócrinas estão em partes restritas, como as axilas, virilhas, região ao redor dos mamilos e do ânus. O suor secretado por essas glândulas não tem função de regular a temperatura corpórea, é “oleoso”, não evapora. As gorduras presentes no suor das glândulas apócrinas são digeridas e transformadas em ácidos voláteis, que apresentam odor forte e desagradável causando o mau cheiro nas axilas e em outras regiões do corpo.

 

Quais são as causas do mau cheiro nas axilas?

Limpeza inadequada: se você não higieniza adequadamente a área, obviamente ela ficará mais propensa à proliferação de bactérias. Pelo menos uma vez ao dia, use uma esponja vegetal bem macia (com um pouco de sabonete) para massagear suavemente as axilas. Caso você vá se depilar com lâmina naquele dia, evite a esponja (pois poderá sensibilizar a pele).

Reutilização de roupas: quem sua excessivamente ou tende a ter mau odor nas axilas não deve repetir roupa usada, pois após o uso algumas bactérias podem se proliferar no tecido e contribuir para o problema.

Alimentos que acentuam o mau cheiro nas axilas: embora ainda não haja um consenso, alguns médicos apontam que a ingestão exagerada de certos alimentos, tais como alho, cebola, peixe, curry, fast foods, pimentas e outras iguarias podem piorar o mau cheiro. Pesquisas também demonstraram que comer carne vermelha e consumir bebidas alcoólicas pode alterar negativamente os odores corporais, deixando-os mais intensos.

Pêlos em excesso: a presença de pêlos pode acentuar a proliferação de bactérias e agravar o mau cheiro nas axilas.

Estresse e sobrepeso: o estresse intensifica a transpiração e, com isso, contribui para a proliferação de bactérias ao deixar a região das axilas muito úmida. Não é uma regra, mas pessoas acima do peso tendem a transpirar mais que pessoas abaixo ou dentro do peso adequado, e o suor agrava o problema.

Tecidos inadequados: tecidos que abafam demasiadamente a região das axilas e não permitem a evaporação da umidade criam um ambiente úmido, quente e adequado para a ação das bactérias.

Alterações hormonais e medicamentos: se todos os itens acima não se aplicam ao seu caso, pode ser que o problema seja alguma medicação ou alteração hormonal, que podem alterar os odores do corpo.

 

Receita caseira para eliminar o mal cheiro nas axilas

mau cheiro nas axilas Antes do banho, passe metade de um limão nas axilas. Espere 10 minutos e depois tome seu banho normalmente, tirando o resíduo.

Outra opção é usar bicarbonato de sódio. Lave bem as axilas e em seguida aplique um pouco do bicarbonato. Aguarde 20 minutos e pode lavar novamente.

Faça isso por três dias seguidos se o seu caso for muito forte, mas se for o começo, dois dias serão o suficiente.

Existe uma terceira dica que é a pasta de gotinhas de limão com meia colher de bicarbonato. A aplicação é feita da mesma forma que os procedimentos acima, porém apenas três vezes por semana.

 

 

A especialista explica como evitar o mau cheiro nas axilas e também nos pés. Confira!

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!

 

Saiba mais:

7 Causas do escurecimento das axilas

3 dicas imperdíveis para sumir com as manchas nas axilas e virilha

Como evitar as temidas manchas deixadas pelos desodorantes e antitranspirantes

Como aliviar a transpiração excessiva dos pés

Médico explica o uso do botox no tratamento de suor excessivo

Hiperidrose: dermatologista explica como tratar

Cuidados com a transpiração dos pés


Sites parceiros