[the_ad_group id="16401"]
Especialidades

Parada cardíaca! Quais são os procedimentos que podem salvar de um ataque do coração

Por Redação Doutíssima 02/05/2014

A cada ano no Brasil ocorrem 160 mil mortes súbitas. Estima-se que, a cada um minuto e meio, morre no país uma vítima de parada cardíaca ou cardiorrespiratória. Tal quadro pode acontecer de repente, em qualquer lugar, a qualquer momento e sem aviso prévio. Por isto, é preciso estar preparado para agir frente à situação destas, pois cada segundo é determinante para a sobrevivência da vítima da parada cardíaca.

Ao se deparar com uma pessoa em parada cardíaca, a primeira ação é ligar para um serviço de urgência. A opção de colocar a vítima em um automóvel para buscar socorro em um hospital pode ser fatal: após cinco minutos do ataque cardíaco, sem receber um primeiro socorro, 50% dos indivíduos morrem.

A recomendação é realizar a massagem cardíaca efetiva até a chegada do socorro. Foto: Shutterstock

A recomendação é realizar a massagem cardíaca efetiva até a chegada do socorro. Foto: Shutterstock

Com base nisto, é absolutamente fundamental saber como agir quando alguém por perto sofre uma parada cardíaca. Tomar a decisão acertada para o socorro da vítima nos primeiros minutos pode salvar vidas.

Identificação da parada cardíaca

O primeiro passo no enfrentamento da parada cardíaca é reconhecê-la e chamar o serviço de emergência. Esta identificação pode ser feita ao perceber que a pessoa está inconsciente, não responde aos chamados e não está respirando.

Enquanto aguarda a chegada da ambulância, dê início às manobras de reanimação. Para isto, procure estender o pescoço da vítima da parada cardíaca, puxando o queixo para trás, fazendo com que o fluxo de ar volte para a traqueia.

Feito isto, se aproxime do nariz e da boca do paciente para observar se há movimento respiratório no tórax. Caso não haja sinais de respiração, inicie a respiração boca a boca, tapando o nariz do indivíduo para que o ar não saia por ali – insuflando o ar em sua boca por duas vezes.

Aprenda a massagem cardíaca

Na sequência, com as mãos espalmadas e trançadas para dar mais peso, pressione o tórax, exatamente no meio do peito. A força de seu corpo sobre o tórax do paciente deve seguir um movimento rítmico, sem forçar demais os braços e as mãos.

A massagem cardíaca deve ser mantida até a chegada do desfibrilador ou do serviço de emergência. Se houver outra pessoa no ambiente, se reveze com ela na tentativa de reanimação, já que ela deve ser constante.

Realizar a respiração boca a boca pode não ser uma prática adequada, especialmente para o socorrista leigo e sem treinamento. A recomendação mundial é realizar a massagem cardíaca efetiva até a chegada do socorro. Estudos científicos mostram que a compressão cardíaca nos dez primeiros minutos é crucial para a sobrevida do paciente, mesmo sem a respiração.

Desfibrilação

Como a grande maioria de paradas cardíacas ocorre por um fenômeno chamado fibrilação ventricular, caracterizada pelo ritmo caótico do batimento do coração, não há nenhum tratamento químico ou manual para a fibrilação que não seja o choque elétrico.

Em virtude disto, muitos locais públicos, como aeroportos e estádios desportivos, já contam com desfibriladores, para que qualquer pessoa possa aplicar o choque antes mesmo da chegada do serviço de emergência.

Como se tratam de equipamentos modernos, eles mesmo indicam como deve se agir, inclusive, sinalizando a frequência da massagem cardíaca. A realização destes procedimentos antes da chegada do serviço de emergência e do profissional de saúde pode salvar uma vida.

 

 Clique aqui para se cadastrar!

 

 

Saiba mais:

Infarto na mulher: o que acontece quando o ataque cardíaco ocorre no público feminino

Alerta: 4 Coisas que você sente antes de um ataque cardíaco (infarto)

Falta de potássio causa infarto? Tire as suas dúvidas agora e comece a cuidar mais da sua saúde

Síndrome de Dressler: saiba mais sobre a inflamação que pode surgir após o infarto

Poluição do ar favorece ataques cardíacos

Obesidade no Brasil: quase 70% dos brasileiros está em situação de sobrepeso

Como agir em caso de derrame (AVC)

Alto risco! Infarto em jovens e pessoas com menos de 40 anos são mais perigosos

Relógio da apple será capaz de prever ataque cardíaco

Entenda o que são as doenças cardiovasculares e quais são os grupos de risco

Entenda como o pré-operatório de cirurgia cardíaca é importante para o sucesso da operação

Infarto na mulher: o que acontece quando o ataque cardíaco ocorre no público feminino

3 Remédios caseiros para tontura

Alerta: Nem toda tontura é labirintite!

Função do cérebro pode diminuir com doenças cardíacas

Atenção aos pequenos indícios! Conheça os sintomas de doença do coração que o corpo nos indica

Entenda em quais casos de tratamento é indicada a cirurgia de sopro no coração

As dúvidas sobre as principais doenças do coração: arritmia cardíaca pode matar?


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]