[the_ad_group id="16401"]
Dieta

Entre celebridades: conheça os benefícios da Dieta Alcalina para a saúde

Por Redação Doutíssima 02/06/2014

Utilizada por famosos de todo o mundo, a dieta alcalina vem sendo apontada como uma das principais formas de se manter em forma sem prejudicar a saúde. Entenda! 

 

dieta alcalina

 

Em meio a tantas promessas de emagrecimento rápido e saudável por meio de dietas malucas, eis que surge uma que parece cumprir o que promete. Comprovada por celebridades de Hollywood, a Dieta Alcalina vem sendo apontada como uma forma natural e saudável para se alcançar a boa forma, mantendo a energia e o brilho.

Entre os famosos que proclamam os resultados positivos da dieta alcalina estão as atrizes Jennifer Aniston, Gwyneth Paltrow, Kirsten Dunst , Sarah Ferguson e Uma Thurman. Por isso este modelo de dieta, chamado de “instinto básico”, vem fazendo tanto sucesso.

 

Como funciona a dieta alcalina?

 

Está mais do que comprovado que uma dieta desequilibrada, com a ingestão de toxinas, contribui muito para a obesidade. Estudos desenvolvidos por cientistas concluíram que uma alimentação com o pH equilibrado proporciona uma melhora considerável no metabolismo, além de aumentar a eliminação de toxinas pelo organismo. Outro aspecto positivo é a diminuição da retenção de líquidos, o que leva à perda daqueles quilinhos desagradáveis.

Para que o nosso sangue tenha um pH considerado alcalino ele deve estar entre 7 e 7,5. Por isso, algumas situações como o estresse, a má alimentação, o envelhecimento e até mesmo a poluição podem fazer com que o nosso sangue fique mais ácido, provocando o ganho de peso e doenças (problemas cardiovasculares e até cânceres).

É importante deixar claro que na dieta alcalina nenhum alimento é proibido, considerando que o objetivo é de diminuir as gorduras, as proteínas e tornar nossa alimentação mais leve, evitando, principalmente, as carnes. Isso porque, para digerir e assimilar os nutrientes das carnes o nosso organismo precisa produzir mais ácido, o que acaba gerando um desequilíbrio do nosso pH.

De acordo com o doutor Stephan Domenig, autor do livro “O método alcalino”, Os danos colaterais deste desequilíbrio aparecem principalmente no nosso metabolismo, sistema digestivo, pele e articulações, além de prejudicar também os nossos níveis de energia e até mesmo o humor. “O ideal é que nossas refeições contenham duas partes alcalinas para cada parte de ácido”, destacou.

No entanto, é preciso levar em consideração que o teor de acidez e alcalinidade deve ser medido somente após a digestão do alimento. O motivo é que alguns alimentos, como as frutas cítricas, por exemplo, conhecidas pela sua acidez no sabor, possuem um efeito alcalino sobre o organismo após serem digeridas.

 

Quais os alimentos que podem entrar na dieta alcalina?

 

A dieta alcalina pode ser considerada praticamente uma dieta vegetariana, pois a única carne considerada alcalina é a dos peixes de água gelada, como o salmão e o atum. Veja abaixo uma lista de alimentos mais alcalinos:

1. Vegetais de raiz: rabanetes (preto, vermelho ou branco), beterraba, cenoura, rábano e nabo;

2. Vegetais crucíferos: brócolis, repolho, couve-flor, couve de Bruxelas e afins;

3. Folhas verdes: couve, acelga, nabo e espinafre;

4. Alho: o alho aparece no topo da lista de alimentos que incentivam a saúde geral, possuindo também uma propriedade alcalina;

5. Pimenta (capsicum): a pimenta está entre os alimentos mais alcalinizantes. Ela é conhecida por suas propriedades antibacterianas, além de ser fonte rica em vitamina A;

6. Limão: este pode ser considerado o alimento mais alcalinizante de todos. Como desinfetante natural, ele pode curar feridas enquanto também proporciona alívio potente e imediato de hiperacidez.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!

 

Saiba mais:

 

Conheça os malefícios do sobrepeso para sua saúde bucal

Tratamento para obesidade: quando é hora de procurar e quais os melhores tratamentos paracombater o excesso de peso

Ler as informações nutricionais do rótulo dos alimentos pode ajudar a perder peso

Não espere mais! Aprenda como acelerar o metabolismo e perca peso ainda mais rápido

Composição corporal: o que você precisa saber para perder peso com saúde e de maneira definitiva

DIETA DE PROTEINAS : Já ouviu falar na dieta de proteínas? Saiba mais sobre essa dieta, suasconsequências e possíveis benefícios para saúde e perda de peso

Saiba mais sobre a nova maneira de perder peso: aplicativos para dieta nos smartphone

16 dicas para perder peso

Antes e depois: Mãe de dois, Perlla comemora perda de peso

Metade da população de São Paulo está acima do peso

Aparelho de Musculação ou peso livre: qual a diferença?

8 Hábitos que garantem uma dieta para perder peso

Um em cada três adultos tem excesso de peso ou é obeso

Como aumentar seu peso

Os benefícios do óleo de abacate

Como fazer uma máscara de abacate para hidratar profundamente os cabelos

Alimentos cítricos ajudam a melhorar o ânimo

Está abaixo do peso? Aprenda a fazer uma dieta para engordar de maneira saudável

Conheça as melhores dietas para 2014

Alimentação saudável: saiba quais são as gorduras do bem e onde encontrá-las

Coma melhor e fique bem com o espelho! Dicas de alimentação para evitar a celulite


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]