[the_ad_group id="16401"]
Clínica Geral

Veja como proteger seu filho das principais doenças infantis

Por Redação Doutíssima 19/01/2015

Seja no verão ou no inverno, existem algumas complicações de saúde que são mais comuns entre os “pequeninos”. Por isso, é importante conhecer quais são as principais doenças infantis e o que fazer para prevenir e tratar seu filho, caso seja alvo de alguma delas.

 

principais doenças infantis

É preciso estar atento às principais doenças que afetam os pequenos. Fotos: iStock, Getty Images

 

As principais doenças infantis no verão

 

Comecemos com as principais doenças infantis no verão. Afinal de contas, é nessa época em que as crianças estão em férias e passam mais tempo ao ar livre, em contato com outros ambientes e pessoas. Nesse ambiente, algumas doenças encontram oportunidade.

 

Conjuntivite

 

Essa doença pode surgir inclusive em bebês pequenos. O sintoma principal é a inflamação dos olhos (que ficam avermelhados), mas também pode ocorrer a liberação de pus, que forma uma substância grudenta.

 

De acordo com a situação, é recomendável evitar que a criança entre em contato com outras, para evitar o contágio.

 

Otite

 

A famosa dor de ouvido é uma das principais doenças infantis no verão, quando as crianças (e os adultos) aproveitam o calor para dar aquela mergulhada na piscina. O problema, que é causado por fungos ou bactérias, é caracterizado por provocar uma sensação de zumbido e dor intensa no ouvido.

 

O tratamento é simples, o médico ou farmacêutico, geralmente, prescreve gotas auriculares a serem pingadas no ouvido. E a prevenção consiste em cuidar onde seu filho se banha (seja piscina, mar ou rio) para evitar o risco de água contaminada.

 

Impetigo

 

É uma doença de pele causada pelo desequilíbrio na população da bactéria, que é naturalmente encontrada na pele. A característica dessa doença consiste numa lesão que costuma ser vermelha e infecciosa. A origem da doença pode ser a picada de inseto ou pequenos machucados. Nesse caso, é preciso procurar um médico.

 

Diarreia

 

Doença caracterizada pela infecção provocada por vírus, bactérias ou outros parasitas. Seu principal sintoma é a falta de controle na evacuação e fezes com aspecto líquido ou semi-líquido. Pode ser que a criança apresente febre ou vômitos.

 

Insolação

 

A insolação costuma ser causada pela distração dos pais, quando não percebem que o filho passa muito tempo sob o sol. Os sintomas comuns são mal estar, dores de cabeça, náuseas e tontura.

 

Compressas frias sobre a cabeça podem ajudar. Se o quadro não melhorar, procure imediatamente um médico.

 

Micose

 

São infecções de pele causadas por fungos e uma das principais doenças infantis. Crianças que passam o dia todo com sungas e biquínis molhados correm maior risco de desenvolver a doença, que consiste na inflamação da pele e provoca coceira. Na maioria dos casos, o tratamento é feito com creme antifúngico.

 

Principais doenças infantis no inverno

 

As doenças podem ocorrer em qualquer época do ano, porém devido a exposição às baixas temperaturas, essas são as principais doenças infantis que afligem os pequenos no inverno.

 

Gripe

 

A doença apresenta febre, coriza, prostração, mal-estar. A criança com gripe deve ser vacinada, alimentada e hidratada, e não deve ir à escola ou creche (para não contaminar os colegas).

 

Resfriado

 

Apresenta febre baixa (mas nem sempre) e coriza. O tratamento da doença é semelhante à gripe, mas não há necessidade de vacina.

 

As principais doenças infantis respiratórias

 

Em sua maioria, são evitadas com cuidados com o ambiente, que deve ser limpo, livre de poeira, animais de pelúcia, cortinas, tapetes, com cômodos bem arejados e sem fumaça de cigarro.

 

Pneumonia

 

Pode ser viral ou bacteriana. Considerada uma doença grave, que pode levar à morte se não for tratada. Geralmente apresenta febre, dor abdominal, dificuldade respiratória, palidez, falta de apetite e prostração.

 

Amigdalites

 

São as infecções de garganta. Causa dor, febre, inchaço das amígdalas, mau hálito e falta de apetite.

 

Sinusite

 

Apresenta dor na face, catarro amarelado, tosse noturna e, raramente nas crianças, dor de cabeça.

 

Asma

Doença que provoca dificuldades respiratórias. Sua crise é considerada grave e deve ter atendimento emergencial. Os sintomas são: tosse, chiado no peito, dificuldade de respirar, lacrimejamento, dor no peito.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]