[the_ad_group id="16403"]
Remédios Caseiros

Bálsamo: aprenda a fazer remédios caseiros

Por Redação Doutíssima 21/01/2015

Muito utilizado como planta ornamental, o bálsamo é uma planta suculenta repleta de benefícios para a saúde. A planta é natural da América do Norte e México, mas pode ser facilmente encontrada em qualquer parte do Brasil.

Você pode até não conhecer esta planta por bálsamo, mas com certeza já a viu em jardins pelo nome de cabraiba, óleo-vermelho, cabureiba, pau-de-bálsamo, balso e pau-vermelho. O segredo está nos componentes presentes em suas folhas e caule – dentre eles, é possível encontrar mucilagens, triterpenos, sesquiterpenos, alcaloides piperidínicos e taninos hidrolisáveis.

balsamo

De folhas e caule poderosos, planta pode ser encontrada em qualquer parte do Brasil. Foto: iStock, Getty Images

Bálsamo no combate a inflamações

 

Todas estas substâncias agem para tornar o bálsamo indicado no tratamento de inúmeras doenças, já que a planta possui ação cicatrizante, digestiva, emoliente e cicatrizante, além de atuar em vários tipos de inflamações, como as de pele, gastrointestinais, aparelho urinário e respiratório.

Esta planta possui diversos usos segundo a crença popular e, mesmo que não esteja comprovado cientificamente, algumas pessoas acreditam que ela possa curar catarata. O que se sabe é que esta planta pode ser benéfica em casos de queimaduras, bronquite crônica, ulcera, inflamações no pé, contusões, cefaleia, frieiras e até mesmo diabetes.

Remédios caseiros com bálsamo

 

Devido às suas várias propriedades curativas, é possível usar o bálsamo de diversas formas, conforme a necessidade de cada indivíduo.

A primeira maneira de usá-lo é fazendo um chá. Para isso são necessárias algumas folhas da planta e 500 ml de água. Com os ingredientes em mão, coloque-os todos em uma panela e leve ao fogo até levantar fervura.

Depois, disso, aguarde por mais alguns minutos até que o chá fique em uma temperatura agradável para consumo, coe as folhas, e está pronto para beber. Você deve consumir o chá 3 vezes ao dia, mas se não gostar do sabor, pode adoçá-lo com mel.

Outro uso para o chá é colocá-lo em compressas para problemas de pele. Basta usá-lo frio e aplicar com  gazes ou panos de algodão sobre a área afetada em casos de inflamação da pele.

De forma externa, outro remédio caseiro possível com o bálsamo é um cataplasma, que é uma forma mais concentrada da planta. Basta usar algumas folhas e amassá-las até formar uma pasta. Depois disso, resta aplicar na área afetada e cobrir com uma gaze ou pano de algodão. Esta é uma forma de acabar com frieiras e queimaduras.

Embora seja menos comum o uso da planta desta forma, é possível incorporá-la em sua alimentação do dia-a-dia. Você pode usar as folhas no preparo de uma deliciosa salada, por exemplo. Além disso, a preparação do suco já se tornou bem comum.

Para isso, basta usar algumas folhase bater no liquidificador com água. Adoce a gosto. Você pode incrementar o seu suco incorporando algumas frutas.

Contraindicações

 

Algumas pessoas podem ter hipersensibilidade à composição da planta, por isso, comece o tratamento com o auxílio do seu profissional de saúde. Além disso, não é indicado para mulheres grávidas e crianças.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]