[the_ad_group id="16403"]
Remédios Caseiros

Raiz de ouro: aprenda a fazer remédios caseiros

Por Redação Doutíssima 21/01/2015

O estresse é o mal do século, mas ele pode ser devidamente controlado com um tratamento natural à base de raiz de ouro, pelo menos é o que sugerem muitos herbalistas. A planta também é conhecida como rhodiola rosea e tem sido associada a uma série de benefícios para a saúde física e mental.

Ela cresce nos climas frios do norte da Ásia e da Europa Oriental, e até aparece em muitas regiões do Ártico. Os seus benefícios são graças às suas propriedades adaptogênicas, o que significa que ele ajuda a mente e o corpo a se adaptarem ao estresse e outras condições.

raiz de ouro

Combate ao estresse está entre os principais benefícios desta planta. Foto: iStock, Getty Images

Raiz de ouro contra efeitos do envelhecimento

 

Uma pesquisa identificou cinco compostos biológicos ativos nas raízes da planta de raiz de ouro, e embora os compostos trabalhem juntos, em sinergia, a análise sugere que tirosol, rhodioloside e salidrosida estão entre os mais ativos. A salidrosida especificamente oferece ação antioxidante para combater os efeitos do envelhecimento.

Apesar de sua longa história, a raiz de ouro tonou-se conhecida no Ocidente bem recentemente. Foi principalmente graças ao poder de combater o estresse que a planta começou a se popularizar na outra metade do mundo. Ela ajuda a fortalecer o sistema imunológico tornando-o menos suscetível.

Esta erva pode proteger os órgãos, como o coração, dos danos causados ​​pela redução da quantidade de corticosteroides, um hormônio do estresse liberado pelas glândulas suprarrenais em momentos de estresse. Além disso, tem um efeito positivo sobre a pressão sanguínea, colesterol e níveis de açúcar no sangue.

A raiz de ouro também tem sido utilizada como um adstringente para o tratamento de hérnia, leucorreia e dor de cabeça. Pesquisadores alemães apontam que ela ainda pode ser benéfica para hemorroidas, como estimulante e anti-inflamatório.

Como usar a raiz de ouro em um remédio caseiro?

 

Se você quer ter todas as propriedades medicinais da raiz de ouro, é possível usá-la de diversas maneiras. Dificilmente você irá encontrá-la em nossa vegetação, já que nosso clima não é favorável para seu crescimento.

Mas é possível encontrar a planta em forma de pó, cápsulas e a raiz desidratada. Com isso, você é capaz de incluir estes elementos em sua dieta. No caso da raiz desidratada, você pode preparar o chá.

Basta utilizar duas colheres de raiz de ouro e colocar sobre ela cerca de um litro de água fervente. Então, é só esperar alguns minutos, coar a mistura e está pronta para o consumo. Beba este chá 3 vezes ao dia. Já se preferir os suplementos, tome 1 comprimido duas vezes ao dia, 30 minutos antes do almoço e do jantar.

Riscos

 

 

A raiz de ouro não possui efeitos colaterais adversos ou interações medicamentosas, pelo menos ainda não foram relatados indícios de que isso aconteça. Por isso, o coeficiente de segurança da planta é bastante de alta. Além disso, também apresenta baixa toxicidade em estudos com animais.

No entanto, os benefícios de aumento de resistência e desempenho mental da raiz de ouro diminuem com o uso contínuo, sendo mais eficazes com uso ocasional. Mesmo sendo uma planta segura para o consumo humano, ela deve ser evitada por mulheres grávidas e lactantes.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]