[the_ad_group id="16401"]
Esporte

Faça aula de tecido acrobático e apaixone-se pela técnica

Por Redação Doutíssima 16/03/2015

Conhecida por causa dos espetáculos circenses, a aula de tecido acrobático é uma oportunidade para todos que já ficaram encantados com a desenvoltura de pessoas penduradas em tecidos, que parecem voar ou flutuar. A técnica agora pode ser encontrada em diversas academias.

 

Não se preocupe, não há contraindicação nem restrições quanto à idade ou biotipo, tampouco exige “experiência na função”. E não é um bicho de sete cabeças, como muitos podem imaginar. Então, está preparada para se aventurar pelas acrobacias nas alturas, pendurada por um pedaço de tecido?

 

Além de não ser um bicho de sete cabeças, segundo um artigo publicado na revista Conexões da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) em 2007, o tecido é um dos aparelhos circenses mais fáceis de se aprender, pois o material se molda ao corpo e se adapta às características do participante.

aula de tecido acrobatico

Tecido circense pode ajudar a melhorar a flexibilidade e o equilíbrio corporal. Foto: iStock, Getty Images

Benefícios da aula de tecido acrobático

Vamos direto ao assunto. Você deve estar se perguntando o que ganha com isso, além da adrenalina que experimenta. Pois bem, entre as vantagens da aula de tecido acrobático, está o incentivo ao aluno para perder o medo de altura. Este é um dos principais benefícios, mas não é o único.

 

Há também os aspectos morfológicos e funcionais (flexibilidade, agilidade, equilíbrio e força). A técnica trabalha ainda a expressão artística, a respiração e a memória, uma vez que o praticante precisa decorar a sequência das acrobacias. Também fortalece a musculatura.

 

Quer mais benefícios? Faz parte da sensação de praticar uma aula de tecido acrobático a superação de emoções que você nunca imaginou que experimentaria. A adrenalina voa com você e a cada nova aula há a sensação de que conseguiu ir muito além do que no dia anterior.

 

Essa atividade está entre as raras que aliam o trabalho do corpo com a superação de limites pela experimentação de novos desafios. Esse é o motivo pelo qual quem experimenta a aula de tecido acrobático se apaixona pela prática.

 

Abordagem técnica da aula de tecido acrobático

As aulas são realizadas em grupo, têm a duração de até uma hora e meia e trabalham grupos musculares pela interação do corpo com o tecido acrobático. Todo esse trabalho pode ser complementado com trapézio, cordas, bolas suíças e atividades de solo.

 

Numa análise técnica dessa prática, podemos dizer que a atividade trabalha a resistência anaeróbica, que determina quanto tempo e quantos movimentos consecutivos fazer, antes de descer do tecido, além da flexibilidade e da força, que determinam o tempo de descanso entre um movimento e outro.

 

A aula de tecido acrobático também é uma prática aeróbica, pois estimula a função dos sistemas cardiorrespiratório e vascular, além de trabalhar vários grupos musculares ao mesmo tempo. Requer muita determinação e o mesmo esforço de qualquer outro exercício físico.

 

Então, se você ficou interessada, ou está curiosa para saber qual a sensação de estar nos ares fazendo acrobacias, siga em frente. Esse é um exercício recomendado para todas as pessoas de todas idades, entretanto, se houver problemas de saúde, é bom conversar com seu médico antes. Feito isso, divirta-se!

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]