[the_ad_group id="16403"]
Cabelos

Dread no cabelo: como fazer e cuidar do penteado

Por Redação Doutíssima 21/04/2015

Você já se imaginou com dread no cabelo? Eles emprestam estilo e dão um ar despojado ao visual. Entre os famosos, não é difícil achar nomes que já o adotaram. Estrelas da música internacional como Shakira e Lady Gaga já desfilaram seus dreads nos palcos.

 

No Brasil, a atriz Débora Falabella e o ator Juliano Cazarré são dois exemplos daqueles que adotaram o visual para a construção de um personagem na televisão.

Segundo definição da cartilha do Programa de Qualificação Profissional Imagem e Beleza, existem outras técnicas semelhantes ao dread que também são muito comuns: a trança nagô e o tererê.

dread no cabelo

Penteado popularizado pelo movimento rastafári pode deixar o visual despojado. Foto: iStock, Getty Images

Como fazer dread no cabelo?

O dreadlock nada mais é do que separação do cabelo em mechas, para que depois elas sejam enroladas e ganhem o aspecto característico. Embora existam várias técnicas para fazer o penteado, são duas as mais conhecidas:

1. Com cera

O primeiro passo é aplicar a cera quente sobre os fios. Feito isso, pequenas mechas são puxadas, com o auxílio de um pincel. Ao secar, o produto dá a fixação que o dread precisa.

2. Com agulha de crochê

Nesse caso, os fios são “costurados” e enrolados com o uso da agulha. Essa técnica permite que o cabelo fique mais limpo

Há quem prefira fazer o dread no cabelo em casa, mas para garantir mais qualidade e duração, o ideal é visitar um salão. Afinal, trata-se de um penteado que pode exigir entre cinco e oito horas de preparo até que seja finalizado.

Atualmente, são vários os estabelecimentos especializados no ramo. Existe, inclusive, um termo técnico para designar quem possui treinamento específico para trabalhar com dread no cabelo: loctician.

 

Cuidados para quem quer ter dread no cabelo

Apesar de sua popularidade, o dread no cabelo ainda é rodeado de preconceitos. Muitos acreditam que ele é sinal de sujeira e desleixo.

Diferente disso, o penteado, popularizado pelo movimento rastafári, exige cuidados para que a sua duração aumente. Antes de adotar o novo estilo, saiba como cuidar dele:

1. Lavar o cabelo

Nos primeiros dias, evite lavar o cabelo. Depois disso, utilize shampoo neutro, que não deixe resíduos, para a higienização. Condicionador é recomendado apenas para as pontas.

2. Manutenção

O ideal é que a manutenção seja feita a cada dois meses. Os retoques podem ser feitos com uma agulha de tricô, seja em casa ou no salão.

3. Oleosidade

Para evitar a oleosidade, seque os dreadlocks a cada vez que lavá-los e não durma com eles molhados

4. Raiz do cabelo

Mantenha a raiz sempre aberta para evitar que os dreads acabem grudados.

5. Caspa

Para prevenir a caspa, faça massagens regulares no couro cabeludo. Isso estimula a liberação de óleos naturais

Cansei de ter dread, e agora?

Um dos maiores medos de quem quer adotar o dread no cabelo é a preocupação com a necessidade de ter que raspar os fios depois. Essa é a forma mais rápida e fácil para se livrar do penteado, mas não é a única.

A aplicação de condicionadores concentrados pode auxiliar no desembaraçamento dos fios. Cortar somente as pontas também é uma opção que torna o processo menos demorado.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]