Toda mamãe é surpreendida quando o bebê começa a sentir dor na gengiva, já que é um dos sinais de que a dentição está começando a surgir. Com a dor, as gengivas ficam vermelhas e mais irritáveis ou instáveis. Entretanto, existem maneiras de aliviar esses sintomas que são causados ​​pela primeira dentição. Se você está preocupada, consulte o seu médico.

 

Por que há dor na gengiva?

Os bebês nascem com um conjunto completo de dentes logo abaixo de suas gengivas. Quando eles estão entre seis e nove meses, esses dentes começam a romper a pele da gengiva, um processo que pode ser muito doloroso.

dor na gengiva
Os mordedores podem ajudar no alívio das dores que o bebê sente na gengiva. Foto: iStock, Getty Images

Esses dentes rompem a gengiva em fases. Normalmente, os dentes inferiores são os primeiros, seguidos dos dentes superiores médios. Desse ponto em diante, os dentes remanescentes vão aparecer através da gengiva durante um período de dois a dois anos e meio.

 

Como aliviar a dor na gengiva

Confira algumas maneiras de aliviar a dor que seu bebê está sentindo na gengiva.

 

1. Toalhinha fria

Enxágue um pano limpo em água fria e coloque-o no freezer por cerca de 30 minutos. O pano frio proporciona grande alívio – e algum entretenimento – para pequenos mordedores.

 

2. Gel anestésico

Usar um gel anestésico específico é capaz de oferecer algum alívio para bebês de mais de dois meses. Com ingredientes ativos que amenizam a dor na área onde é aplicado, ele pode ser uma ótima solução para momentos em que a dor na gengiva se torna muito incômoda para os pequenos.

 

3. Mordedor

Os mordedores à base de silicone são melhores do que os produtos para amenizar a dor. Tente colocar o mordedor na geladeira por um tempo, antes de dar ao seu bebê. O frio pode ajudar com o alívio, e a pressão da mordida é capaz de ajudar a melhorar o desconforto.

 

4. Massagear as gengivas doloridas

Ao massagear a gengiva inchada do seu bebê com um dedo limpo ou com as costas de uma colher gelada, você vai aplicar pressão suficiente para o alívio temporário da dor na gengiva.

 

5. Limpar os dentes com uma gaze

A dor na gengiva a deixa sensível, por isso, limpar os dentes do seu bebê pode aumentar o desconforto. Em vez de usar uma escova de dentes, tente limpar os dentes com um pedaço de gaze macia.

 

6. Muito carinho

 

O poder do afago não pode ser subestimado quando se trata de ajudar as crianças a lidarem com a dor.

 

Outras recomendações

Durante a dentição, a salivação constante de um bebê é capaz de irritar sua pele. Além disso, observe outros sintomas que possam se apresentar, já que às vezes alguns indícios revelam que ele tenha algo além da dor na gengiva relacionada à dentição, como febre, diarreias e vômitos. Nesse caso, é necessário consultar um médico.

Não se esqueça da importância dos profissionais de saúde. Segundo uma pesquisa realizada em 2009 pela Delta Dental Children’s Oral Health Survey, a maioria dos pais americanos não leva filhos menores de dois anos ao dentista.

O que vai contra a recomendação da Academia Americana de Odontopediatria (AAPD) de que a criança deve visitar um dentista a partir de um ano ou depois de seis meses do nascimento dos dentes.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


DEIXE UMA RESPOSTA