Zen

Período sabático produtivo necessita de planejamento

Por Redação Doutíssima 12/05/2015

Muitas pessoas falam sobre o período sabático quando estão cansadas da rotina. Mas dar uma pausa na correria e refletir sobre as atividades do cotidiano é extremamente importante para a saúde física e mental das pessoas.

 

Ainda assim, ter um tempo para a autorreflexão é um privilégio do qual poucas pessoas podem usufruir. Entretanto, para quem quer mudar radicalmente o estilo de vida, aderir a esse período pode ser uma boa opção.

periodo sabatico

Período de afastamento da rotina pode ser útil para repensar a vida e se conhecer. Foto: iStock, Getty Images

O “período sabático” é um termo que provém do vocabulário hebraico, significando “repouso”. Portanto, refere-se a um tempo para relaxar, fazendo atividades que proporcionem prazer. Mas não confunda: ele não é igual às férias, não existe exclusivamente com o propósito de diversão e lazer.

Conforme é possível observar na cultura judia, o sabático é ideal para que a pessoa possa se autoconhecer. Esse processo pode acontecer através de viagens, estudos, leitura, meditação, entre outras atividades. Mas para usufruir plenamente do tempo do sabático, que é constituído por, no mínimo, três meses, é essencial planejar.

Saiba como planejar o período sabático

Apesar de ser amplamente difundido na Europa e nos Estados Unidos, o período sabático ainda não é muito bem aceito pelas empresas brasileiras. De acordo com uma pesquisa divulgada pela empresa de recrutamento Robert Half, somente 8,4% das empresas entrevistadas oferecem um tempo de licença a seus colaboradores.

Por isso, se você estiver considerando aderir ao sabático, é importante seguir algumas dicas. Em primeiro lugar, é preciso ponderar quanto dinheiro será necessário guardar para que você não precise trabalhar durante o período de, aproximadamente, três meses.

Se a empresa não quiser lhe fornecer esse tempo de afastamento, é necessário refletir se realmente esse é o momento certo para largar o emprego. Apesar da decisão ser difícil, muitas pessoas que tiram um sabático afirmam que não quiseram voltar para seus empregos originais após o afastamento.

Para quem pensa em realizar uma viagem exótica nesse período, o planejamento se faz ainda mais necessário. É preciso pensar sobre os gastos envolvidos e refletir sobre meios de economizar durante a viagem.

 

Além disso, uma boa aposta para aproveitar integralmente o sabático é deixar os hábitos comuns de lado, como as compras excessivas. Não viaje tendo em mente as coisas que você quer comprar e todos os lugares que quer visitar.

Deixe o acaso lhe guiar por novos caminhos, em direção a outras pessoas. Essa jornada permite uma reflexão sobre o verdadeiro significado da vida.

Famosos apostam no período sabático

Glória Maria, Tino Marcos e Mano Menezes são algumas figuras da mídia que optaram por investir em um período sabático para repensar a vida.

Glória, por exemplo, conseguiu negociar um retiro de dois anos da Globo, no ano de 2007. Ela aproveitou o tempo de afastamento para se dedicar a projetos pessoais: escrever um livro, fazer aulas de canto e viajar para a Antártica.

O repórter Tino Marcos também conseguiu um tempo de afastamento da televisão. Seu período sabático, que começou no final de março de 2015, terá duração de 10 meses. Ele pretende aproveitar o tempo para se dedicar à família e estudar inglês.

Outras celebridades ao redor do mundo também já optaram pelo período sabático: George Clooney e Angelina Jolie estão entre elas. E você, também se inspirou a investir nessa jornada?

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


Sites parceiros