Você já parou para pensar em quantos tipos de mel existem? E sabia que cada um deles pode ter propriedades nutricionais, sabores e efeitos terapêuticos diferentes? Pois é, isso tudo porque o mel é feito pela abelha a partir do pólen de diferentes espécies de flores. E é essa variedade que confere a cada tipo de mel características bem peculiares.

 

Para quem achou que mel era tudo igual, a lista dos tipos de mel pode ser surpreendente. E é sobre alguns deles que vamos falar, não sem antes lembrar da apicultura e os benefícios deste doce produto da natureza.

tipos de mel
Mel é feito pela abelha a partir do pólen de diferentes espécies de flores. Foto: iStock, Getty Images

O 22 de maio é dia de Santa Rita de Cássia, padroeira dos profissionais que criam abelhas, e por conta disso, é também nesta data que é comemorado o Dia do Apicultor, uma categoria responsável por um setor que vem crescendo cada vez mais no País.

 

O Brasil tem mais de 350 mil apicultores, 450 mil ocupações no campo e 16 mil empregos diretos no setor industrial. Conforme dados da Confederação Brasileira de Apicultura (CBA), a produção apícola nacional triplicou nos últimos anos, chegando a 50 mil toneladas anuais, com uma perspectiva de no futuro produzir até 200 mil toneladas.

 

Entre os benefícios do mel estão a melhora a resistência do organismo a gripes e resfriados; ajuda o intestino a se movimentar; tem enzimas que facilitam a digestão; é bom contra bronquite, asma e dor de garganta; e alivia sintomas de faringite, amigdalite, gripe e resfriado.

 

Os tipos de mel

Esclarecidas algumas das potencialidades deste produto, vamos passar agora para os tipos de mel. Para quem não conhece, estes são só alguns deles, já que variam de acordo com o pólen utilizado, a época do ano e o local onde foi produzido.

 

Mel de flores de café

De todos tipos de mel, este é o que tem florada rara. Possui um sabor de características cítricas, mas suaves. Seu efeito é energizante.

 

Mel silvestre

É feito de diversas flores e é o mais comum no Brasil. Tem propriedades que beneficiam as vias respiratórias, além de efeito antioxidante e propriedades calmantes. É rico em minerais.

 

Mel de flor de eucalipto

Seu sabor é mais forte e a coloração mais escura por causa da alta concentração de ferro, magnésio, cálcio e enxofre. É muito usado para combater infecções intestinais, das vias urinárias e doenças respiratórias.

 

Mel de flor de laranjeira

É perfeito para o tratamento de distúrbios intestinais. Além disso, pode ser utilizado como tranquilizante natural, para adoçar bebidas, ou em preparações matinais como frutas, cereais e pães.

 

Mel de flores de limão

Tem o sabor bem mais cítrico. Também funciona como xarope natural e controla a acidez do estômago.

 

Receita de balas de mel

Depois de aumentar o seu conhecimento sobre mel, segue a seguir uma receita que vai adoçar o seu dia e que pode ser feita com vários tipos de mel: balas especiais de mel.

 

Ingredientes:

1 litro de leite

1 copo de mel

2 copos de açúcar cristal

1 colher de manteiga

Modo de preparo:

Ferva o leite e o açúcar e coloque o mel e a manteiga e mexa até desgrudar da panela. Despeje no mármore da pia e corte em forma de balas. Embrulhe em papel impermeável.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


DEIXE UMA RESPOSTA