Saber como fazer incenso em casa pode ser uma alternativa para usufruir de diversas fragrâncias. A palavra incenso significa literalmente “queimar”. Por milhares de anos, as pessoas têm queimado plantas e resinas em atos religiosos como um processo para proteção, purificar o ar, repelir pragas ou simplesmente desfrutar de um agradável aroma em sua casa.

 

Além disso, o incenso possui benefícios extras e você pode fazê-lo em casa. Ao prepará-lo, você sabe exatamente que plantas e resinas estão sendo usadas e não precisa se preocupar com substâncias potencialmente tóxicas – segundo a Associação Brasileira de Defesa do Consumidor, a fumaça do produto industrializado pode ser mais prejudicial do que a do cigarro.

como fazer incenso
O uso de incensos pode aliviar o estresse e deixar o ambiente mais perfumado. Foto: iStock, Getty Images

Mas lembre-se que, mesmo que você escolha fazer incenso em casa, é sempre melhor queimá-lo em uma área bem ventilada.

 

Benefícios de fazer incenso

A maioria das pessoas não usa incenso pensando nos muitos benefícios que ele traz para a mente e o para corpo, e o utiliza apenas como aromatizador de ambientes. Porém, ele pode ajudar a:

 

– Purificar o ar

– Ajudar uma pessoa a ficar mais calma, relaxada e focada

– Revitalizar, energizar e rejuvenescer os sentidos

– Ajudar a aliviar a insônia

– Auxiliar na meditação e na concentração

– Acelerar a cura pela positividade da propagação

– Dissipar a depressão e a ansiedade

– Ajudar a desintoxicação do organismo

 

Além disso, acredita-se que queimar incenso ativa a região límbica de nosso cérebro. Essa é a parte que registra cada cheiro já sentido e a emoção associada a ele. De acordo com uma equipe de cientistas de Jerusalém, o incenso ativa os canais do cérebro e ajuda a aliviar a ansiedade e a depressão.

 

Incenso: qual aroma escolher?

Se você deseja trazer uma atmosfera especial ao ambiente e ter alguns benefícios extras, veja os principais aromas de incenso. Sabendo quais as propriedades de cada um deles, é possível aplicar qualquer um na técnica de como fazer incenso em casa.

 

 

1. Eucalipto

É ideal para o sistema respiratório e para pessoas com doenças infecciosas, ou que sofrem de asma, bronquite, tosse ou diabetes.

 

2. Canela

É bom para tornar o ambiente romântico e erótico, e estimular a criatividade.

 

3. Lavanda

Cria uma atmosfera relaxante, é perfeita para a noite. A lavanda também é um antibiótico e tem propriedades sedativas.

 

4. Mirra

Atrai boa sorte e dá paz de espírito.

 

5. Cítrico (limão, laranja, entre outros)

Promove a imaginação, estimula a fome e é desinfetante. Esse aroma é delicioso para salas de estudo.

 

6. Sândalo

É um afrodisíaco e promove um estado de paz sem proporcionar sonolência.

 

7. Rosa

Para ambientes românticos e frescos, ajuda a aliviar o estresse e estimula os sentidos sexuais.

 

Como fazer incenso em casa

Uma forma de  fazer incenso é elaborá-lo em cone. O incenso em cone foi inventado no Japão, em 1800. É fácil de fazer e queima relativamente rápido. A maneira mais fácil é usar um aglutinante, comumente chamado Makko.

Essa técnica antiga de como fazer incenso consiste em misturar os ingredientes desejados, como sândalo, canela ou rosa, em forma de pó, com o Makko, e adicionar um pouco de água quente.

Amasse a pasta e forme cones, deixando que sequem lentamente. Os fabricantes japoneses indicam que o tempo de secagem é de cerca de uma semana no verão, e 10 dias no inverno. Depois que estiver seco, basta usá-los.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


DEIXE UMA RESPOSTA