Gestante

Roupas para recém-nascido: itens que não podem faltar

Por Redação Doutíssima 29/05/2015

Mamães de primeira viagem costumam ficar um pouco perdidas na hora de comprar as roupas para recém-nascido. Será que vai servir? Por quanto tempo meu bebê vai usar essa peça? Quantas calças, camisetas, bodys, meias preciso ter?

As dúvidas são muitas e não existe fórmula secreta: cada bebê tem seu tamanho, seu ritmo de crescimento e suas necessidades únicas. Mas é possível estar prevenida e bem organizada com as roupas para recém-nascido até a chegada do novo membro na família.

Com algumas dicas de como se preparar, o final da gravidez fica muito mais fácil e tranquilo. Assim, você já estará pronta para vestir o bebê assim que ele vier ao mundo. Confira as recomendações e faça a sua lista.

roupas para recém-nascido

Ao comprar roupas para o recém-nascido é preciso considerar a estação do ano. Foto: iStock, Getty Images

 

Roupas para recém-nascido que não podem faltar

Algumas peças de roupas para recém-nascido são indispensáveis e de uso diário, por isso você precisa ter em maior quantidade. Outro fator importante a ser considerado é o clima onde você mora. Se faz muito frio ou muito calor, você precisa adaptar as recomendações para o seu caso. Confira a lista:

– 15 bodys ou tip tops, entre manga curta e comprida

– 8 calças, com ou sem pé

– 3 camisetas leves

– 2 casacos leves

– 2 casacos grossos

– 5 pares de meias

– 3 roupinhas para passeio, considerando as temperaturas da estação

 

[RoyalSlider Error] No post attachments found.

Dicas para comprar roupas para recém-nascido

A primeira dica é sobre o tamanho: RN geralmente veste bebês até mais ou menos 3 kg. Acima disso, o tamanho P é o mais indicado. É bom já ter ambos tamanhos porque o bebê cresce rápido e logo deixa de usar as peças menores.

Já que falamos do crescimento do bebê, o que fazer com as roupas para recém-nascido que não servem mais? Você pode guardar para o próximo filho, dar para algum familiar ou uma amiga que terá filhos em breve ou vender em lojas que têm brechós de roupas infantis.

Brechós para bebês estão se tornando cada vez mais comuns e permitem comprar roupas, acessórios e equipamentos infantis com pouquíssimo ou nenhum uso. E o melhor: preços mais amigáveis. Assim já fica a dica de onde começar a fazer as compras para o bebê.

Antes mesmo do nascimento, as roupas já precisam estar preparadas para envolver o pequeno corpinho do seu filho. Isso envolve deixá-las higienizadas da maneira correta, que não agrida a pele nem a saúde do pequeno.

A pele do bebê é extremamente sensível e não deve entrar em contato com resquícios de nenhum produto químico antes dos cinco meses, indicam especialistas. Portanto, não é indicado e deve ser evitado o uso de sabão em pó comum para lavar as roupas para recém-nascido.

Mais naturais, o sabão de coco e o sabão neutro são as melhores opções para deixar as roupas limpas. As peças podem ser lavadas na máquina, mas se forem muito delicadas o mais indicado é fazer à mão. Não use alvejantes e amaciantes, nem removedor de manchas.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


Sites parceiros