Por que casar? De imediato, responderíamos que é para constituir família, ter filhos, envelhecer ao lado de alguém. Apesar dessas respostas também estarem certas, existe algo por trás do casamento e de todo e qualquer relacionamento humano. Qual é a sua verdadeira finalidade?

porque casar
O casamento não é somente uma realização pessoal. Foto: Shutterstock.

 

Descubra o verdadeiro sentido do casamento

Nos auxiliar a sermos menos egoístas, individualistas e narcisistas, aprender a desenvolver algo além do amor próprio, é um pouco de tudo aquilo que o casamento deveria nos ensinar. Qualquer relacionamento, para ser saudável, implica necessariamente em sairmos da nossa posição egoísta e desenvolvermos a empatia. Nosso estado egoísta quer e usa inúmeros mecanismos para receber aquilo que supostamente precisamos, nesse caso o amor e todos os ganhos secundários de uma relação, materiais ou emocionais, como segurança, aceitação, reconhecimento e dinheiro.

Vivemos pelo desejo da falta, e o que sempre nos falta em qualquer cálculo que façamos é o amor. Em um relacionamento, sempre esperamos do outro a aceitação total, compreensão irrestrita, amor incondicional, satisfação sem limites. Vivemos uma busca ilusória de completude no outro.É nesse ponto que nos equivocamos completamente. Ficamos esperando que os outros nos dêem o que não desenvolvemos em nós, o que acreditamos não possuir.

Amor

O amor é um sentimento que devemos oferecer ao outro, sendo preciso primeiro, desenvolvê-lo em nós. A busca de todo ser humano é a perfeição, a felicidade, e o amor é quem nos oferece isso e nos preenche. Amar a si e amar o outro, significa simplesmente dar amor a si e dar amor ao outro. Os relacionamentos só servem para nos ensinar a amar, mais nada. Se sempre buscamos receber amor, criamos expectativas demasiadas sobre o que o outro vai ou não nos dar, vamos desenvolvendo uma dependência, um sentimento de posse, ciúmes. A conseqüência disso será sempre a frustração e o sentimento de rejeição e/ou abandono, quando não satisfeitos.

Os relacionamentos, e principalmente, o casamento, nos proporciona infindáveis oportunidades de viver esse sentimento empático e o aprimoramento pessoal. Quase a totalidade dos problemas gerados em um casamento se refere a essa postura egoísta, individualista e narcísica que são opostos a postura empática e a solidariedade, que deveria permear as relações humanas. Mais do que tudo, o casamento é uma escola onde devemos sair da posição infantil, característica básica do egoísmo e do egocentrismo, e desenvolver nosso senso de justiça, respeito, empatia, solidariedade, amizade, compreensão, tolerância. É o sair de si mesmo e adentrar no outro. Dessa forma ampliamos a capacidade de expandir o amor dentro de nós, aprendendo a conviver com as diferenças e ampliando as similaridades.

porque casar
O casamento também é feito para deesenvolver o amor e construir valores.Foto: Shutterstock.

 

 

Esta união vai além do “termo de casamento”, da realização de sonhos pessoais, familiares, dos contos de fada, de desejos inconscientes. Casamento é um espaço onde almas imperfeitas e incompletas se encontram para se melhorarem e juntas desenvolverem o amor e progredirem. Já imaginou seu casamento assim?

 

Sem o egoísmo e pautado pela empatia? E quando vem os filhos, temos que dobrar os esforços, pois se todos acreditam que nós educamos os nossos filhos, se enganam completamente, já que são eles que nos educam, pois para sermos bons pais, temos que refinar nossa personalidade, tendo em vista que só existe um tipo de educação, a do exemplo, mas isso é conversa para outra hora. Pense nisso.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!