Receitas

Conheça 8 tipos de flor comestível e saiba como consumir

Por Redação Doutíssima 02/09/2015

Uma das maneiras mais divertidas, e nutritivas, de montar um belo prato é usando flor comestível. O que pode parecer estranho em um primeiro momento é uma das práticas mais comuns na gastronomia pois, com toda a certeza, você já provou uma espécie, mesmo sem saber. Quer uma prova?

Você sabia que o brócolis e a couve-flor são espécies de flor comestível? Assim como a alcachofra. Mesmo sem a beleza de uma rosa ou violeta – que também são comestíveis -, ambos são flores sim, e como já são amplamente usadas, não têm mais aquele caráter exótico, como as flores que são servidas em seu estado natural.

flor comestível - doutissima - iStock

Flores também podem ser adicionadas a receitas de bolos e outras iguarias. Foto: iStock, Getty Images

 

Como usar a flor comestível

A flor comestível pode ser usada tanto no preparo de alimentos quanto na decoração. A gama de aplicações é bem maior do que se pode imaginar e é bem provável que depois de ler esse texto você não olhe mais para as flores da mesma maneira.

Brócolis, couve-flor e alcachofra precisam ser preparadas preferencialmente no vapor para que não percam seus nutrientes. Suas propriedades são enormes e benéficas para a saúde.

A alcachofra é uma flor comestível considerada importante aliada da digestão. O brócolis é rico em cálcio, fundamental na manutenção e formação de dentes e ossos. Já a couve-flor oferece vitaminas A e as do complexo B, que atuam na prevenção de problemas de pele e do aparelho digestivo. Também previne queda de cabelos.

E aquela flor que você vê deixando os ambientes mais bonitos, podem, com toda certeza, estar no seu prato. As já mencionadas, violeta e rosa, juntamente com a calêndula, o amor-perfeito e o cravo, por exemplo, são perfeitamente integradas a receitas de bolos, pães, tortas, sobremesas e saladas.

Agora, você pode olhar de outra maneira para o florista, cujo dia é celebrado em 2 de setembro, quando for buscar algum item para ornamentar sua casa. Peça, sem medo, buquê de rosas para fazer uma geleia ou um bolo.

Mas é importante lembrar que, para consumir, a flor comestível deve ser obtida de produtores especializados, para evitar qualquer tipo de contaminação, pois ela precisa ser cultivada sem produtos químicos.

 

 

8 tipos de flor comestível:

1. Amor-perfeito

flor comestível doutissima shutterstock 01

Foto: Shutterstock

De sabor adocicado, é usada tanto em saladas quanto para decorar sobremesas, sopas e guanições.

2. Brócolis

flor comestível doutissima shutterstock 02

Foto: Shutterstock

As folhas e talos são comestíveis. É rico em cálcio e importante fonte de vitaminas A e C, além de ácido fólico, potássio e selênio.

3. Calêndula

flor comestível doutissima shutterstock 03

Foto: Shutterstock

O miolo deve ser retirado na hora em que ela for ingerida. Em sua versão integral, é usada para decorar pratos.

4. Couve-flor

flor comestível doutissima shutterstock 04

Foto: Shutterstock

É rica em importantes sais minerais, como ferro, fósforo e cálcio. Facilita a digestão e é indicada, ainda, no combate à prisão de ventre.

5. Cravo

flor comestível doutissima shutterstock 05

Foto: Shutterstock

Doce, tem sabor semelhante ao da noz moscada. Pode ser usada em saladas e guarnições.

 

6. Lavanda

flor comestivel doutissima shutterstock 06

Foto: Shutterstock

O seu uso é bastante amplo na culinária, sendo aplicada em xaropes, bolos, biscoitos, sorvetes, geleias, tortas  vinhos.

7. Rosa

flor comestivel doutissima shutterstock 07

Foto: Shutterstock

Bastante usada na aromatização e decoração de doces com caldas e também para compor saladas. Com as pétalas, é possível fazer sorvetes e xaropes.

8. Violeta

flor comestivel doutissima shutterstock 08

Foto: Shutterstock

É utilizada no preparo de bolos, chás e xaropes, além de ser empregada na decoração de pratos.

Receita de geleia de pétalas de rosas

Ingredientes:

Um pote de 1 litro de pétalas de rosas de sua preferência

Um litro de água

Um quilo de açúcar

Suco de dois limões

Modo de preparo:

Ferva, em um panela, a água e as pétalas por 15 minutos. Depois que esfriar, coloque o suco de limão e mexa. Você vai perceber que a cor vai mudar.

Acrescente o açúcar e leve ao fogo, sempre mexendo, por mais ou menos 10 minutos. Espere esfriar e armazene a geleia em pequenos potes. Fica ótima em torradinhas!

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


Sites parceiros