[the_ad_group id="16403"]
Vitaminas

Alivio contra TPM e ansiedade! Conheça os principais benefícios do chocolate

Por Redação Doutíssima 28/08/2014

As opiniões se dividem quando falamos no chocolate, uma irresistível delícia. Muitas pessoas o encaram como o vilão irremediável da dieta, enquanto há os defensores dos benefícios do chocolate para a saúde. Está comprovado que ele é um poderoso aliado contra a tensão pré-menstrual e a ansiedade, por exemplo.

Benefícios do chocolate superam malefícios

É isso mesmo: você sabia que, muito mais do que engordar, esse queridinho de muitas refeições tem várias coisas boas para nos apresentar? Ficou curioso? Então, confira a seguir os benefícios do chocolate que são até maiores do que os seus malefícios.

beneficios-do-chocolate

Chocolate pode reverter alterações de humor que a tensão pré-menstrual provoca. Foto: Shutterstock

6 benefícios do chocolate

– Auxiliar na prática de exercícios: enquanto muitas pessoas fogem do chocolate, atletas se beneficiam dos benefícios do chocolate por meio da ingestão do tipo meio amargo no lugar de shakes e suplementos alimentares.

Essa troca ocorre pois o alimento contém uma substância chamada epicatequina, cuja oferece mais desempenho para a prática de exercícios físicos, com mais resistência à fadiga e maiores benefícios cardiovasculares.

– Poder antioxidante: se você está querendo um produto natural que ajude a combater os radicais livres e o envelhecimento da pele, saiba que esse é um dos benefícios do chocolate.

É comum que analisemos a quantidade de calorias da embalagem, esquecendo assim de um detalhe bem importante: a quantidade de antioxidantes revelada. O ideal para a saúde é que este contenha 80% de cacau na sua composição.

Tais alimentos antioxidantes são capazes de neutralizar os chamados radicais livres do corpo, gerados naturalmente e aumentados com estresse, sol, entre outros. Podem dar origem a doenças, problemas cardiovasculares e também neurológicos. Ou seja, não é desculpa: quanto mais estressado, mais chocolate pode comer.

– É auxiliar para largar o fumo: outro dos benefícios do chocolate causado pela produção de antioxidantes é que os fumantes podem se beneficiar disso. É recomendado o consumo entre 20 e 40 gramas de chocolate entre um cigarro e outro, visto que o alimento reduz os efeitos maléficos do cigarro.

– Tem efeito anti-inflamatório: o chocolate contém elementos químicos que imitam a ação dos agentes do corpo humano que combatem a dor e a inflamação. Ele também minimiza a quantidade de substâncias inflamatórias no organismo.

Isso não é uma descoberta recente, se levarmos em conta que as civilizações ancestrais, como os maias e astecas, usavam o cacau para tratar problemas cardiovasculares, gastrointestinais e do sistema nervoso.

No entanto, esse efeito é com base na experimentação de chocolate amargo, que se mostra mais eficaz no bloqueio a inflamações que o chocolate ao leite. Por isso, para melhorar a saúde, invista na ingestão de chocolate meio amargo juntamente com sua dieta saudável.

– Ajuda na TPM e na ansiedade: não é mito, nem coisa da cabeça feminina. Está cientificamente comprovado que o chocolate tem o poder de reverter as alterações de humor que o desconforto da tensão pré-menstrual traz. Isso ocorre pois, ao comer chocolate, há a liberação de serotonina, hormônio responsável pela sensação de bem estar.

– É saudável: embora haja calorias, é errado considerar o chocolate como um vilão. A versão amarga é a mais recomendada visto que é rica em antioxidantes, flavonoides, reduz a oxidação de LDL (o colesterol ruim) e evita o seu ruim nas artérias.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]