Se você convive com alguém que deixa de lado certos princípios éticos e morais para se beneficiar de algo, então, provavelmente, está lidando com um oportunista. Trata-se daquela pessoa que se aproveita das circunstâncias apenas para seu benefício próprio, ou seja, em outras palavras, é egoísta.

A psicóloga clínica Cris Manfro explica que é importante saber diferenciar o sentido positivo e negativo da palavra. “Oportunismo é um substantivo usado para descrever a habilidade ou tendência em tirar partido de circunstâncias. Engloba também a prática ou política de se aproveitar das oportunidades ou fatos”, esclarece.

oportunista
Pessoas egoístas gostam de utilizar os outros para conseguir vantagens na vida. Foto: iStock, Getty Images

 

Sentidos da palavra oportunista

A partir da definição apresentada pela especialista, é possível verificar que “ser oportunista”, a princípio, não é necessariamente algo ruim. “Tanto que falamos: ‘aquele sujeito aproveitou uma oportunidade’. Buscar oportunidades de forma saudável é ser honesto, verdadeiro e, principalmente, ético”, aponta Cris.

A grande diferença entre uma pessoa que agarra oportunidades e um oportunista, no sentido pejorativo da palavra, está nos princípios. O egoísta deixa de lado normas e princípios de ética e moral, visando apenas os próprios interesses.

Pessoas assim, segundo Cris, não têm nenhum pudor em causar mal a alguém, desde que elas próprias possam tirar proveito da situação. “O sujeito está sempre querendo se relacionar ‘bem’ com todos, para que possa ter ascensão pessoal ou profissional. Ou seja: ele não gosta de você, mas do que você tem para oferecer”, assegura.

Aprenda a identificar um oportunista

A psicóloga dá algumas dicas para identificar um oportunista.Ele sempre vai tentar tirar uma vantagem pessoal. Em alguns momentos, vai se portar como um superior, em outros como um coitado.

A pessoa oportunista pode até lhe fazer favores, mas sempre terá alguma intenção por trás disso. Egoísmo é sua principal característica. “Imagine, então, essa característica no ambiente de trabalho. É um perigo, porque quando puder a pessoa estará pronta para puxar o seu tapete”, menciona ela.

A especialista destaca que é fácil identificar alguém que gosta de se beneficiar. “Assim que, de alguma maneira, ele não conseguir mais tirar vantagem de você, buscará isso em outra pessoa. Você será descartado sem a mínima consideração”, observa Cris.

A psicóloga acredita que a melhor alternativa é se afastar de pessoas com essas características. Afinal, elas conseguem ser encantadoras, mas é preciso lembrar que elas buscam apenas ascensão (financeira ou social), ou seja, estão tirando proveito da sua boa vontade.

Outro ponto essencial para o qual ela chama atenção é a questão dos alpinistas sociais. “Eles sempre buscarão estar rodeados da mídia e de pessoas que possam lhe dar benefícios, coisas materiais, vantagens em prestações de serviços”, salienta.

De acordo com Cris, às vezes essas atitudes demoram a aparecer. Mas quando se fala de uma pessoa egoísta, cedo ou tarde as características vão se manifestar. A solução é pensar sobre os sinais e limitar o contato.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


DEIXE UMA RESPOSTA