[the_ad_group id="16401"]
Sexualidade

Por que a mulher trai?

Por Redação Doutíssima 21/06/2013

A traição feminina é um assunto que rende conversa. Mas por que a mulher trai? Você que acha que o caráter da pessoa influencia no momento de trair? Ou você acha que a mulher trai devido à fatores hormonais e biológicos? confira aqui duas vertentes que explicam o por quê dessa ocorrência. O porquê das fêmeas praticarem a infidelidade conjugal.

O chapéu de corno é uma grande preocupação masculina, eles não querem ter que usar esse acessório. O terapeuta, escritor e especialista em relacionamentos Sergio Savian acredita que, se alguém começa a trair, dificilmente vai parar. Para ele, é natural o desejo de se envolver com outra pessoa, tanto homem quanto mulher, só não é extravasado se há alguma influência externa. “Nossa sexualidade funciona a base de hormônios. A fidelidade, muitas vezes, tem de vir com cabresto, por isso as pessoas que menos traem são as religiosas. O ser humano, no seu jeito natural, trai”.

 

Veja mais sobre o assunto: Como conquistar a auto confiança

 

Para a psicóloga Miriam Barros, especialista em terapia familiar e psicodrama, é possível que um deslize se transforme em hábito. A mulher trai. Fato. “Se a infidelidade não tiver consequências, a pessoa fará a segunda vez”, diz.

A traição é temida por homens e mulheres.

Ninguém quer ser vítima de uma infidelidade por parte do parceiro. Ela fere os sentimentos e pode quebrar o laço da união do casal. O homem trai, a mulher trai. O que as pessoas não se atentam é que às vezes elas mesmas abrem brechas para que a traição aconteça e aí são vários os motivos que podem acarretá-la. E também existem os que acreditem que a traição é diferente do que simplesmente fazer sexo com outra pessoa.

Confira umas dicas de arrasar: Como ser bom de cama

Juarez Lopes Neto, psicólogo e psicoterapeuta junguiano, explica algumas das várias causas que levam uma pessoa a trair o parceiro. Ele diz que o homem é polígamo por natureza e amulher apaixonada. “O  homem ( ser humano) precisa se sentir conquistador, ter uma atração física sem estar envolvido emocionalmente obrigatoriamente”, conta. Juarez completa dizendo que muitas vezes as pessoas traem pois não suportam não se sentirem mal amados e não desejados.. “Com isso, ele vai em busca da adrenalina da paixão e do sexo, isto é, a busca pelo prazer”, explica.

Na maioria das vezes a traição pode ser um reflexo de que o relacionamento não anda bem. Dizem que as mulheres traem procurando uma compensação de uma relação vazia. Ele ressalta uma diferença entre a traição dos homens. “Muitas vezes eles acham ‘vergonhoso’ dizer não a uma oportunidade”, comenta. Mas ela não deve e nem é considerada algo natural. “Apesar de ocorrer com certa frequência, a traição não é vista como normal e corriqueira em nossa cultura”. A grande questão em torno do assunto é o fato de que, por serem “proibidas”, essas atividades extraconjugais acabam sendo mais atraentes e levam a pessoa à trair o parceiro. “A curiosidade também impele a isso”, diz.

O psicólogo diz que tanto o traidor quanto a vítima sofrem, pois apesar do desamor e da raiva do momento, ainda existem a vivência e o carinho de um pelo outro. “Algumas pessoas até preferem fingir que não veem para não ameaçar a estrutura familiar”, aponta.

Leia mais:  Mentiras sobre o sexo


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]