Bolsa-de-gelo-em-lesao-size-598

 

Quem já não levou uma pancada, sofreu uma lesão e se viu na situação acima, com uma bolsa de água quente ou de gelo para ajudar na recuperação? Mas quando e como usar corretamente? Por que às vezes parece que funciona e às vezes parece que não? Nosso fisioterapeuta explica exatamente.

Indica se a utilização de bolsas de gelo principalmente na fase aguda que corresponde nas próximas 72 horas após a lesão (entorses, traumas) onde o frio vai atuar como vasoconstritor impedindo assim o aumento do edema na região, além de diminuir os hematomas e consequentemente a dor na região acometida permitindo até uma melhora no movimento.

Como utilizar a bolsa com gelo?

O tempo de aplicação pode variar de 20 a 30 minutos dependendo da sensibilidade do indivíduo e do local que será aplicado, regiões com menos tecido muscular e adiposo como os pés recomenda se um tempo menor de aplicação sendo aconselhada a repetição três ou quatro vezes ao dia, pede se que durante a aplicação da bolsa de gelo seja colocado uma toalha fina sobre a região para evitar o contato direto do gelo com a pele afim de evitar lesões na pele.

Indicações da Bolsa com Gelo: Traumas (pancadas), Entorses, Lesões musculares (estiramento) e/ou ligamentares, hematomas.

Contra indicações: Sensibilidade excessiva ao frio, diminuição ou perda de sensibilidade no local.

 

670px-Make-A-Simple-Hot-Compress-for-Muscle-Pain-Step-4

 

E a compressa de água quente?

Já a aplicação de compressas quentes devem ser usadas após a fase aguda da lesão (após 72 horas) exceto quando ainda apresentar muito edema na região. A aplicação da bolsa deve ser executada sobre uma toalha umedecida colocada na região lesionada, e pode ser mantida até que a bolsa venha a esfriar, é muito importante o cuidado para não super aquecer a bolsa afim de evitar queimaduras.. No caso de lesões musculares ou entorses indica se a aplicação de pomada anti-inflamatória na região após a aplicação de bolsa quente para melhor absorção, já que com o calor ocorre o aumento do metabolismo e fluxo sanguíneo local da aplicação.

Indicações para uso de Calor: Contraturas Musculares, Dores da coluna vertebral (cervical, torácica ou lombar) e torcicolos.

Vale lembrar que não se deve aplicar o calor sobre ferimentos abertos, patologias vasculares e traumas recentes.

Há também as aplicações chamadas de contraste, que nada mais é a aplicação de gelo seguida da aplicação de calor o que gera uma contração seguida de dilatação dos tecidos afim de eliminar o edema residual que possa estar na região, aumentando assim a amplitude de movimento da articulação e alívio de dor. Recomenda se a aplicação de gelo por 1 minuto seguida de calor por 3 minutos ir realizando as trocas até que se totalize 30 minutos, terminando com 1 minuto de gelo.

Agora você já sabe tudo!