[the_ad_group id="16403"]
Medicamentos

Remédios contra osteoporose previnem fraturas?

Por Redação Doutíssima 18/12/2013

A osteoporose afeta cerca de uma em cada duas mulheres em sua vida. É a principal causa de fratura óssea. A doença faz com que a densidade óssea diminua, tornando os ossos mais frágeis e porosos. É possível limitar este mecanismo a fim de reduzir o risco de fraturas e colapso vertebral, causa de incapacidade e diversas complicações.

36752b5e43_GD_

Além de uma dieta adequada e atividade física regular, o apoio geralmente inclui a suplementação com cálcio e vitamina D. Em pessoas que têm uma significativa perda de densidade óssea necessitam um medicamento específico, geralmente prescrito pelo médico. Essas drogas se dividem em várias classes: bisfosfonatos, moduladores seletivos de receptor de estrógeno, ranelato de estrôncio, calcitonina, hormônio da paratireóide… Todos estes tratamentos são projetados para melhorar a densidade óssea e, assim, reduzir o risco de fratura.

Medindo o desenvolvimento da osteoporose
A ausência de fraturas em geral e de fraturas vertebrais (visíveis através da medição do paciente e / ou durante uma radiografia) é o sinal principal da eficácia do tratamento. O teste de densitometria óssea, também fornecem uma indicação importante da progressão da doença. Ele geralmente será realizada de dois em dois anos.

A ausência de fraturas é prova da eficácia do tratamento da osteoporose?

 

Os medicamentos contra a osteoporose são considerados eficazes se evitam fraturas periféricas (pulso, fêmur) e fraturas vertebrais. No entanto, alguns tratamentos contra a osteoporose apresentam problema nesta área. Assim, a suplementação de vitamina D pela injeção de uma dose grande, uma vez por ano não parece eficaz – estudos apontam até mesmo para um crescente número de fraturas em pessoas tratadas dessa forma.

Já os bifosfonatos aumentam muito a probabilidade de sofrer uma fractura atípica do fémur. Como eles reduzem o risco de fraturas no colo do fêmur, que são tipos muito mais freqüentes de fraturas, eles são considerados benéficos. Contudo, o uso desse medicamento exigem um acompanhamento especial por parte do médico.

 

Tratamento contra a osteoporose :  Alguns cuidados

 

Claro que a ocorrência de uma fractura num paciente em tratamento contra a osteoporose conduz sempre o médico à reavaliar o tratamento, em particular, para assegurar que ele está sendo efetuado em condições otimais. O tratamento contra a osteoporose será realmente eficaz se tomado de acordo com as recomendações estabelecidas, por exemplo: o tratamento com bisfosfonatos é totalmente inútil se você não levar em conta um determinado período de tempo entre o consumo da drogas e as refeições. Como em todas as doenças crônicas, o tratamento também deve ser levado com grande regularidade.

Além disso, é importante ter o tratamento certo, na hora certa. Uma mulher na pós-menopausa, em quem é detectado uma diminuição da densidade óssea não usará os mesmos medicamentos que idosos que já tiveram uma fratura, por exemplo.


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]