[the_ad_group id="16403"]
Filhos

Saiba o que as expressões do seu bebê querem dizer. Ele fala!

Por Redação Doutíssima 18/12/2013

bebe-1
Antes de começar a falar, os bebês se expressam através de sorrisos, choros e gestos. Saiba mais sobre as expressões faciais do seu bebê:

Conforme os bebês vão crescendo, eles aprendem a  expressar os sentimentos de forma que possamos compreender melhor.
Durante os primeiros dias de vida, algumas atitudes do bebê como bocejar, fazer caretas, levantar as sobrancelha e gemer são expressões inatas (ou seja, ele já nasce sabendo demonstrá-las); elas ajudam o recém-nascido a expressar seu estado emocional (por exemplo: quando ele esta cansado, surpreso, desconfortável etc.). Outros gestos e expressões no entanto, são aprendidos ao longo do tempo de acordo com a cultura, um exemplo disto é quando a criança aprende a acenar para os outros quando ela quer dizer “tchau”.

Como os bebês demonstram seus sentimentos

Nos primeiros anos de vida, os bebês e as crianças se expressam usando o corpo. É muito comum vê-los fazendo birra e se contorcendo pelo chão quando estão com raiva. Esta maneira de expressar os sentimentos através do corpo continua até pelo menos 2 anos de idade, em seguida, a criança começa a falar.
E importante não confundir expressões com temperamento. Algumas crianças são mais explosivas do que os outras, mas isso não significa que elas expressem suas emoções com mais ou menos frequência do que outra criança.

Imitação

Este aspecto é muito importante quando se aprende a expressar sentimentos. Os bebês desenvolvem essa capacidade assim que eles começam a perceber como as pessoas veem e reagem. Se um bebê olha a sua mãe perto e ela sorri, ele também vai sorrir.
Os bebês reagem de forma diferente de acordo com a pessoa com quem eles interagem, por exemplo, se um irmão mais velho ou uma outra criança e toca e fala com ele, o bebê vai arregalar os olhos, ouvir atentamente e tentar imitar a criança mais velha. Mas, quando esta situação se passar com um adulto, ele vai responder e fazer um olhar de admiração. Um bebê tem a capacidade de responder, copiar gestos e de aprender ao longo do tempo.

Os adultos ajudam a criança a se expressar

Se os pais de um bebê são expressivos, é muito provável que ele seja expressivo também. No entanto, os pais quietos e mais distantes podem ter uma criança muito emocional, pois, ela pode não saber como controlar suas emoções, simplesmente porque ela não tem nenhum exemplo a seguir se os pais não expressarem suas emoções, por exemplo.

Bebe chorando

Veja abaixo outras formas que o seu bebê usa para se expressar de acordo com a idade:

Sorrisos (2-3 meses) – Os sorrisos são uma forma de comunicação que ajudam o bebê a expressar sentimentos positivos e a interagir com os outros.

Dar “tchau” (8-9 meses) Nesta fase o bebê começa a aprender sobre condutas sociais. Quanto mais independente for o seu bebê, menos você terá que pedir para que ele dar um “tchauzinho”.

Entregar um objeto (12-15 meses) – Seu bebê está ficando mais independente nesta fase. Esta é uma outra forma que o bebê usa para interagir com as pessoas.

Mandar beijos (15 meses) – Assim como dar tchau, quando o bebê aprende a mandar beijos, é sinal de que ele esta aprendendo sobre as regras sociais. Ensinar o seu bebê a mandar beijos é uma forma de torná-lo mais sociável e carinhoso.

Abraços (18 meses) É uma forma de demonstrar carinho e emoções positivas.

Chamar pelo seu nome a noite (18 meses) Ao invés de chorar, seu bebê começa a a usar palavras e nomes para chamar você e as pessoas mais próximas. Nesta fase, você começa a ouvir o seu bebê pronunciar os primeiros “mama” e “papa”.


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]