A mente pode controlar o coração ou é o contrário? O nome “inteligência emocional” é bastante novo, mesmo se esse conceito já vinha sendo estudado por pesquisadores e psicoterapeutas interessados pelo comportamento humano. Sabe aquela situação que te tira totalmente do sério? Seja no trabalho, na convivência com os amigos ou mesmo em casa com a família. Fica difícil controlar os nervos e os sentimentos em certos momentos da vida. Para evitar que a bomba emocional exploda à qualquer momento, é preciso ter um grande autocontrole. Aí entra a inteligência emocional. Confira esses cinco passos para adquirir a inteligência emocional.

inteligência emocional

 

Para conquistar a inteligência emocional em 5 passos

 

1. Você se conhece bem? O autoconhecimento é a principal chave da inteligência emocional, pois é graças a ele que você será capaz de reconhecer os momentos ou situações quando será preciso segurar a onda. Comece fazendo uma auto-análise de suas emoções. Tente listas as situações mais cotidianas que te fazem sentir raiva, motivação, alegria, estresse, medo, frustração, satisfação, contentamento, realização e todos outros sentimentos que você conseguir pensar.

2. Até que ponto consegue se controlar? O autocontrole é outro elemento chave da inteligência emocional. Após formular sua lista de auto-conhecimento, tente controlar suas emoções de forma racional quando se confrontar com as situações listadas. Vale contar até 10, pensar antes de agir, sair para tomar um ar. Você deve ser o dono de suas emoções e usá-las com inteligência. Anote seus progressos, isso funciona como elemento motivador.

inteligência emocional

 

3. Você se automotiva? É preciso trabalhar sua automotivação, listando as razões que te fazem manter o foco e o pensamento positivo. O que te motiva a viver? Dê razões a si mesmo para ser mais feliz, entusiasmado e manter o autocontrole em tudo o que fizer. Quem sabe você pode se tornar uma referência para outras pessoas no quesitos superação e alcance de metas.

4. Como anda a sua empatia? A empatia se relaciona com a inteligência emocional pois ela te faz saber se colocar no lugar do outro para que haja a compreensão das emoções alheias no lugar de um julgamento precipitado. É preciso saber interpretar as emoções dos outros e saber apoiá-los quando preciso.

5. Você tem uma base de contatos? É importante ter ações de modo a manter as relações pessoais e profissionais em contato frequente. O seu networking deve ser construído por uma sólida rede de contatos, tanto virtuais como reais. Hoje em dia, podemos contar com as mídias sociais, que facilitam os contatos, mas nada substitui o contato direto.

No vídeo abaixo você encontra informações sobre a influência da inteligência emocional no trabalho.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!

 

Saiba mais:

Emoções, vida e acupuntura: o equilíbrio através da acupuntura energética

Como expressamos nossos sentimentos? Saiba mais

Relaxe nas horas vagas! Encontrar um hobby traz equilíbrio e controle das emoções

Emoções podem provocar doenças

O sentimento de medo ajuda ou atrapalha?

Desenvolvimento cognitivo e intelectual: o crescimento do indivíduo e as emoções

Você sabia que dormir bem melhora seu desempenho no trabalho?


DEIXE UMA RESPOSTA