Provavelmente, você já deve ter ouvido falar em exercícios funcionais. Originalmente utilizados por fisioterapeutas para restaurar a força e a resposta do corpo após acidentes, viraram os queridinhos do mundo fitness. É que eles ajudam diferentes atividades do dia a dia e, além disso, muitas vezes não precisam de equipamentos específicos.

 

O que são exercícios funcionais?

Quando um exercício é chamado de “funcional”, significa que é um movimento que você faz naturalmente em sua vida cotidiana fora da academia. Eles variam de pessoa para pessoa: se você é um atleta, por exemplo, seus exercícios funcionais serão projetados com objetivos diferentes do que os de uma pessoa de 65 anos buscando ficar em melhor forma.

exercicios funcionais
A prática de exercício funcional pode melhorar a postura e a coordenação motora. Foto: iStock, Getty Images

Segundo Glauco Coutinho, coordenador técnico da Planet Sport Academia, os exercícios funcionais têm como princípio preparar o organismo de maneira íntegra, segura e eficiente através do centro corporal, chamado CORE.

O CORE são diferentes músculos que agem de forma simultânea e equilibrada para estabilizar coluna, pelve e dorso, proporcionando movimentos mais consistentes e precisos das extremidades.

 

Os exercícios funcionais são destinados a reduzir o risco de lesões e melhorar a sua capacidade de funcionar corretamente no dia a dia. O agachamento, por exemplo, é um exercício funcional muito comum: você o executa quando levanta-se de uma cadeira, sai do carro ou pega uma caixa pesada no chão.

 

Benefícios dos exercícios funcionais

De acordo com Glauco Coutinho, os principais objetivos dos funcionais são: melhora da resistência cardiovascular e muscular, equilíbrio estático e dinâmico, coordenação motora, postura, flexibilidade e propriocepção (capacidade do corpo de detectar o movimento e posição das articulações).

Com isso, há notável melhora no desempenho dos movimentos ligados ao dia a dia e aos esportes.

 

No entanto, o especialista indica que antes de praticar qualquer tipo de exercício funcional, é preciso conversar com seu instrutor sobre qualquer restrição relacionada à saúde.

 

Exercícios para fazer em casa

Alguns exercícios funcionais simples são perfeitos para você fazer em casa, quando a rotina não permite que você busque uma academia. Veja três deles:

 

1. Perna estendida

Fique com os joelhos e as mãos no chão, estas distantes uma da outra, um pouco além da largura dos seus ombros. Estenda sua perna direita em linha reta para trás, puxando o umbigo em direção à coluna e contraindo os músculos.

Mantenha a perna estendida e desça até seus cotovelos alcançarem um ângulo de 90º. Volte para cima. Repita 10 a 15 vezes com cada perna.

 

2. Medicine ball

Sente-se no chão com os joelhos dobrados e os pés apoiados no solo. Segure uma medicine ball contra o peito e, então, incline seu tronco para longe das coxas, sempre contraindo o abdômen.

Gire o tronco para a direita, movendo o cotovelo direito em direção ao chão. Retorne à posição original e faça para a esquerda. Repita 10 a 15 vezes para cada lado.

 

3. Torso plano

Sente-se no chão, colocando suas mãos logo abaixo dos ombros. Com os braços retos, use as pernas e empurre os quadris para cima, até que seu torso fique plano.

Levante o braço direito em direção ao teto, e gire a parte superior de seu corpo para que ele seja sustentado pelo braço esquerdo. Volte à posição original, mas mantenha os quadris levantados. Faça de 10 a 15 vezes para cada lado.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


DEIXE UMA RESPOSTA