Estética

Como usar a pinça corretamente: confira dicas preciosas

Por Redação Doutíssima 07/08/2015

A pinça é um acessório útil em várias ocasiões. Mas para não torná-lo um verdadeiro inimigo da beleza, é imprescindível aprender a utilizar o item corretamente. Especialmente na hora de fazer as sobrancelhas, a escolha de um instrumento ideal pode fazer toda a diferença no resultado final.

 

Se você é adepta do design de sobrancelhas, provavelmente já compreende o papel importante da pinça. Ela ajuda a retirar com precisão os pelos indesejados, criando um desenho simétrico e harmonioso na sobrancelha e, consequentemente, no rosto. Mas quando usada de forma incorreta, também pode causar o efeito inverso.

pinca

Acessório para retirar pelos da sobrancelha deve ser usado com muito cuidado. Foto: iStock, Getty Images

 

Conheça  tipos de pinça

Você sabia que há, pelo menos, quatro tipos diferentes desse acessório? Cada um deles conta com um formato específico e uma finalidade exata. Por isso, antes de utilizá-lo, confira abaixo algumas opções:

1. Ponta larga e quadrada

Bem comum, o acessório com extremidades largas é ideal para retirar pelos curtos e mais grossos. A superfície grande facilita a retirada do fio, de modo firme. É indicado, também, para retirar pelos entre as duas sobrancelhas.

 

2. Ponta afunilada

 

Este tipo de pinça conta com uma ponta larga, mas em um formato mais inclinado. É usado, especialmente, porque a estrutura de sua superfície ajuda a remover todos os tipos de pelo e, ainda, permite selecionar com precisão o pelo a ser arrancado.

 

Assim, há menos risco do pelo errado ser retirado. Algo que, quando ocorre, acaba prejudicando toda a estrutura da sobrancelha.

 

3. Ponta fina

 

A ponta fina é ideal para a extração de pelos finos, curtos e delicados. Especialmente os pelinhos novos, quando ainda estão bem curtos – em fase de crescimento. Os homens também podem usufruir dela, para retirar os pelos na barba do rosto e no pescoço. Mas é necessário ter cuidado com a ponta fina, para não machucar a pele.

 

4. Pontas duplas

 

Para as mulheres experientes, que almejam usufruir de todas as vantagens do acessório, é possível investir nos modelos com pontas duplas: em uma extremidade a ponta mais larga e, em outra, a mais fina. As vantagens são as mesmas já citadas, além, é claro, da possibilidade de ter os dois modelos em um só.

Dicas para usar pinça

Para utilizar a pinça em casa, é preciso ter alguns cuidados. Inicialmente, faça intervalos de cerca de 15 a 20 dias para usar a ferramenta. Esse é o tempo mínimo necessário para o crescimento da sobrancelha.

Tome muito cuidado para não retirar pelos em excesso. Use o acessório com cautela no arco da sobrancelha e na parte interna, retirando apenas aqueles pelinhos que ficam completamente fora do desenho.

Lembre-se de que é difícil deixar ambas as sobrancelhas iguais. Não adianta ficar retirando um pelo ali e outro aqui para tentar conseguir isso. Só vai aumentar o risco de você afinar demais. Por isso, se estiver com dificuldade, não hesite em procurar a ajuda de um profissional de sobrancelhas.

Além de correr o risco de afinar muito, há também a chance de criar falhas nos pelos que, segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica, só conseguem ser reparadas com um transplante de sobrancelha.

Por isso, o melhor é guardar a pinça em casa e acioná-la, unicamente, em casos de emergência. Para a remoção de um pelo encravado ou qualquer pelinho fora do lugar, por exemplo. Em outras ocasiões, deixe o manuseio por conta de um especialista.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


Sites parceiros