[the_ad_group id="16401"]
Filhos

Como impor limites às crianças

Por Redação Doutíssima 02/09/2013

Educar os filhos não é uma tarefa fácil. No momento em que as crianças começam a crescer, os pais se veem obrigados a impor limites para fazer de seus filhos boas pessoas no futuro. Se você não sabe como fazer isso, fomo em busca de informações para te auxiliar a encontrar estratégias para educar com amor e pulso firme.

COMO-C~1

 

Estratégias erradas para impor limites

 

–  Explicar incansavelmente para a criança o porquê de você estar pedindo algo. Você deve ser objetivo na hora de dizer a razão dela ter que fazer o que você pede. Pode parecer que ela não entendeu, mas reexplicar não ajuda. Se, por exemplo, você disser que ela deve arrumar seus brinquedos diga somente “porque se eles ficarem pelo chão alguém pode tropeçar e se machucar, além de quebra-los”.

–  Dar inúmeros avisos para a criança. Ela deve saber que o primeiro aviso será o único, se não ela sabe que ninguém fará nada enquanto estiver na fase dos avisos. Quando ela desobedecer, dê um aviso e depois aja.

–  Fazer chantagem ou premiações. Você não está ensinando os limites da vida quando diz a uma criança que ela terá algo que quer se cumprir uma ordem. Igualmente, se disser que ela não terá algo se não fizer o que você manda. No final, você abre a porta para uma negociação e ela tem o direito de dizer “ok”.

–  Oferecer recompensas. As crianças passarão a dizer “o que eu ganho fazendo isso?”. Elas devem aprender que precisam respeitar os adultos simplesmente e não que ganham coisas quando o fazem.

 

As boas estratégias

 

–  Amar e respeitar as crianças para que elas respeitem os adultos. As crianças copiam o comportamento dos pais. Ensinar o respeito aos outros deve partir dos próprios pais. Gritar, bater, xingar ou mentir para seu filho fará com que ele também aja assim com você e com outros adultos.

–  Se ela não cumprir algo que você pediu, vá perto dela e dê a ordem novamente. A presença física faz com que a criança perceba que ela terá que fazer o que você pede.

–  Ter o pulso firme e ser frio. Quando uma criança desobedece ou não cumpre uma ordem você pode ignora-la. Não fique bravo com ela nem atenda aos pedidos da criança quando ela se dirigir a você. Lembre-a do que você pediu e diga que conversará com ela assim que ela fizer o que você ordenou anteriormente. Claro que o coração dos pais fica apertado, mas isso ajudará seu filho a entender que o mal comportamento gera uma consequência ruim para ele.

 

Fonte: Delas, Discovery Kids.


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]