[the_ad_group id="16401"]
Cabelos

Como ter cabelos mais bonitos como as europeias

Por Redação Doutíssima 30/01/2014

fotos-de-cabelos-lindos3Pós texturizantes, spray de brilho, esfoliantes detox, serum expert, óleos mágicos, acessórios inteligentes… Todos os novos rituais para ter cabelos mais bonitos passados no pente fino, aqui! Saiba como as europeias cuidam dos fios e tenha cabelos mais bonitos!

 

Shampoo esfoliante para o couro cabeludo

Antes: A tendência era de esquecer da saúde do couro cabeludo. No entanto, esta parte de pele tende a se asfixiar facilmente (poluição, sebo, resíduo, poeira…), e precisa de um produto com ação esfoliante para limpar e oxigenar o couro cabeludo, além de evitar a caspa.

Agora: Existem esfoliantes detox criados especialmente para o couro cabeludo. Feitos com base em óleos essenciais, sal marinho, entre outros, eles previnem a proliferação de bactérias ou, em alguns casos, estimulam a microcirculação.

Instruções: Uma vez por semana, antes do shampoo, faça massagens nos cabelos passando um produto esfoliante com as pontas dos dedos no couro cabeludo e deixe agir durante cinco minutos.

Os queridinhos: Antipoluição – Esfoliante que lava e purifica, da Christophe Robin. Anticaspa – Geleia esfoliante e anticaspa Melaleuca, da René Furterer. Anti-irritação: Máscara esfoliante, da Philip Kingsley.

 

O serum para as pontas

Antes: Era preciso contar com a máscara ou com um leave-in para tentar preencher os fios duplos.

Agora: Existe o serum, um produto aplicado somente sobre as zonas desvitalizadas para reparar e dar brilho nos cabelos.

Instruções: Aplique uma pequena quantidade sobre a ponta dos dedos e massageie os cabelos alisando-os antes da secagem ou retoques durante o dia.

Os queridinhos: Pontas secas – Bálsamo preenchedor Touche Perfection, da Kérastase. Pontas macias – Duo Serum reparador Ultimate Remedy, da Shu Uemura Art of Hair. Pontas quebradas – Reparador de pontas, da Garnier Fructis.

 

Óleos de infusão

Antes: Eram feitos banhos de óleos vegetais para tratar e rejuvenescer os cabelos secos ou coloridos.

Agora: Você também pode contar com coquetéis de óleos sem enxágue, ricos em ativos, que transmitem os benefícios de forma contínua. A macadâmia nutritiva, o abacate alisador e protetor, o babaçy antioxidante… Uma festa para os cabelos difíceis de domar.
Instruções: Reparta os cabelos até as pontas para penteá-los e aplicar o produto. Ideal para os cabelos crespos e cacheados que necessitam de uma hidratação máxima de de disciplina.

Os queridinhos: Creme de noite – Reparador Nocturnal Therapy, da Tigi Hair Reborn. Impulsionador de elasticidade: Óleo de Ojon. Escova especial: Bálsamo especial com óleo ativo, da Franck Provost. Para cabelos longos: Hydrating Spa Fluid, da La Biosthétique.

 

Shampoo a seco

Antes: Os shampoos a seco eram usados para dar volume e soltar as raízes. Devido ao pó absorvido pelos cabelos, os shampoos a seco deixam um véu opaco.

Agora: Os pós para pentear são 2 em 1. Transparentes, eles respondem a todas as demandas sem deixar marca. Eles eliminam os resíduos e absorvem a oleosidade dos cabelos ao escovar, deixam as raízes e as pontes com um ar de leveza.

Instrução: Para inflar as raízes, aplique um pouco sobre as raízes, massageie com os dedos e penteie os cabelos.

Os queridinhos: Em spray – Powder Bluff, da Kérastase. Em pó: Prêt-à-Powder, da Bumble & Bumble (Sephora).

 

02-hair-forceFazer cachos

Antes: Obter cachos naturais era uma tarefa difícil. Entre os antigos bobs e os primeiros produtos da marca Babyliss, era necessário uma boa dose de tempo, de “savoir-faire” e de paciência.

Agora: Não há mais necessidade de contorcer os braços como Shiva. Basta colocar as mechas no aparelho e ele se ocupa do resto.

Instruções: Dependendo da ferramenta utilizada, o modo de fazer muda, mas em todo caso continua simples. Para dar um efeito natural, não faça cachos em todo o cabelo, mas somente as mechas que cobrem.

Os queridinhos: O Didact Hair Bag, o Curl Secret, da Babyliss e o Hair Curlers Large, da Kevin Murphy.

 

Alisar

Antes: Os ferros para alisar os cabelos eram nada mais do que placas que esquentavam as mechas em altíssima temperatura. Mesmo com as placas de cerâmica, com o uso, o cabelo se desidrata e fica quebradiço.

Agora: Como um ferro, de passar, eles aplicam um vapor suave (alguns aplicam mesmo loções hidratantes) que facilitam o alisamento e preserva a hidratação do cabelo.

Instruções: O modo de fazer não muda. Basta alisar as mechas com o aparelho e o vapor se ativa automaticamente.

Os queridinhos: Vapor hidratante – Alisador por infusão, da Tony & Guy. Vapor puro – Alisador Pro Steam, da Babyliss. Vapor pro – SteamPod, da L’Oréal Professionnel.

 

Spray de acabamento

Antes: Para dar brilho aos cabelos, as ceras ou os produtos com gloss faziam sucesso. Mas eram impensáveis sobre os cabelos finos.

Agora: É possível utilizar sprays de brilho que criam um véu brilhante que está muito em alto. Quanto mais se colocar, melhor fica o efeito molhado sexy dos fios.

Instruções: Vaporize uma nuvem fina sobre os cabelos para finalizar o penteado. Se seus cabelos são muito finos, aplique o produto nas palmas das mãos passando levemente sobre os cabelos, para uma finalização ainda mais leve.

Os queridinhos: Escova especial – Top Coat Gems da Lissfactor. Nutritivo: Luxe Oil Keratin Boost Essence, da Wella Professionals. Leve: 100% Brillance Spray Gloss, da John Frieda.

 

A máscara azul

Antes: Destinados às loiras, estas máscaras azuis muito intensas e altamente pigmentadas eram unicamente reservadas aos cabeleireiros profissionais.

Agora: Eles estão disponíveis para aplicação caseira. Você pode utilizar uma vez a cada duas semanas para diminuir o efeito amarelão, iluminar o branco, dar um efeito platinado ou clarear as mechas.

Instruções: Aplique como uma máscara clássica respeitando a frequência e o tempo de exposição.

Os queridinhos: Patine corretor de loiro, da Dessange. Nuances de cores Baby Blond, da Christophe Robin.


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]