Dica do Dermatologista

Lavar o rosto pode fazer mal à pele? Descubra

Por Redação Doutíssima 28/11/2014

Você sabia que lavar o rosto pode prejudicar a beleza da cútis, deixando a pele oleosa e com recorrência de cravos e espinhas? Difícil de acreditar, mas é verdade. Essa que é uma atitude natural e que está incluída na nossa atividade rotineira de higiene pode acabar sendo prejudicial à pele.

Mas tenha calma. Isso não significa que é um mau hábito e que você não deva mais lavar o rosto. O que não se pode é fazer isso de forma errada e, principalmente, com o uso de produtos errados.

lavar-o-rosto

Exagero e uso de produtos inadequados são erros comuns ao lavar rosto. Foto: iStock, Getty Images

A origem do problema em lavar o rosto

O fato de lavar muitas vezes o rosto durante o dia pode resultar em uma pele com aspecto de ressacada. Mas e o que causa o problema?

No caso do verão, onde a pele fica oleosa com mais facilidade, acabamos lavando mais vezes o rosto a fim de acabar com o problema. E o resultado pode ser o inverso: em vez de acabar com a oleosidade, você pode estimulá-la a trabalhar ainda mais. O ideal é não repetir o hábito mais do que três vezes por dia.

Outro erro comum na hora de lavar o rosto é usar os mesmos produtos que são indicados para a pele do corpo. Rosto e corpo possuem peles diferentes e com necessidades distintas. Um não deve ser utilizado no outro. Além disso, os produtos para corpo geralmente são mais agressivos e podem causar danos a pele do rosto.

Mesmo usando produtos específicos para o seu tipo de pele, os sabonetes para lavar devem ser muito bem enxaguados e removidos da pele. Não enxaguar bem o rosto é outro erro comum e pode ser péssimo para a saúde da pele.

O acúmulo de resíduos na pele pode acabar entupindo os poros, favorecendo o aparecimento de cravos e espinhas. Quando você não remove todo o produto, cria uma barreira e evita que os cremes ou mesmo o protetor solar possam agir com toda a sua eficácia.

Também não é certo usar um produto em cima do outro, sem esperar serem absorvidos. Passe o tonificante e aguarde de dois a três minutos para aplicar o creme hidratante ou sérum. Quando for usar o seu creme noturno, aplique-o pele menos uns 10 minutos antes de ir dormir, para não correr o risco de perder o produto no travesseiro.

Banho não é local para lavar o rosto

Aproveitar o banho para lavar o rosto é outro erro comum e muito frequente. Aqui, geralmente sofremos com dois problemas: primeiro, por utilizarmos os produtos para o corpo e, segundo, utilizar a água quente do banho, o que é muito prejudicial a saúde da nossa pele. Ela pode estimular a produção de oleosidade e o aparecimento de vasinhos.

Por fim, outro problema de lavar o rosto muitas vezes é a forma como você seca a sua pele. Esqueça aquela mania de esfregar a toalha com força no rosto. O tecido áspero de algumas toalhas pode causar lesões, aumentar o aspecto de vermelhidão e deixar a pele sensível. O correto é secar dando apenas algumas batidinhas.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


Sites parceiros