As alternativas de procedimentos estéticos são cada vez mais amplas, mas nem por isso substituem os tratamentos caseiros. Para quem deseja revitalizar a pele, melhorar seu aspecto e evitar rugas, a drenagem caseira surge como opção fácil e sem custos. A técnica, originária da Ásia, é feita com o auxílio de duas colheres de chá.

A drenagem caseira consiste em movimentos de massagem facial feitos com as colheres, que são os instrumentos primordiais. O objetivo do procedimento é simples: estimular a circulação no rosto, através de movimentos firmes. Esse processo ajuda a eliminar as toxinas, drenar fluidos e, consequentemente, melhorar a elasticidade da pele.

drenagem caseira
Drenagem facial feita com colheres promete combater rugas e melhoras o aspecto da pele. Foto: iStock, Getty Images

 

Entenda como funciona a drenagem caseira

A partir dos 30 anos, é natural que a pele comece a envelhecer. A perda de água, aliada a fatores como a exposição solar e uma alimentação desequilibrada pode acabar ocasionando um aspecto ressecado na epiderme. Invariavelmente, as rugas e linhas de expressão também se tornam uma realidade para todas as mulheres.

Por isso, seja com o intuito de prevenir ou atenuar as marcas na pele, a drenagem caseira surge como opção. Ela promete resultados positivos, caso seja feita com regularidade, no mínimo, uma vez por semana. A massagem tem como benefício primordial a melhora da circulação sanguínea.

Através da estimulação da corrente de sangue, a drenagem ajuda a retirar o excesso de líquido retido na região, removendo também toxinas. A consequência do processo é a melhora da elasticidade da pele que, por sua vez, ajuda a prevenir e combater rugas. Sem falar que a epiderme ganha um aspecto mais brilhoso e firme.

Para garantir os bons resultados idealizados pela drenagem caseira, é essencial seguir as recomendações relacionadas à massagem. O tempo deve ser bem controlado: os movimentos precisam ser feitos em torno de dez minutos. Ultrapassando esse período, a pele pode ficar irritada.

Drenagem caseira: como fazer?

Para fazer a drenagem caseira, além das duas colheres, você necessitará de outros utensílios. Com o intuito de potencializar o resultado da massagem, será preciso ter em mãos: um copo de água bem fria, com gelo e uma xícara de azeite de oliva quente – aquecido em banho-maria, para ficar em uma temperatura suportável.

Antes de iniciar a massagem no rosto, certifique-se de que ele está bem limpo e hidratado, livre de quaisquer resíduos de maquiagem. Depois de higienizar devidamente as colheres, basta colocá-las no copo de gelo e, em seguida, aplicar nas pálpebras dos olhos fechados.

O movimento inicial deve ser feito cinco vezes, tanto nas pálpebras como na região das olheiras. Em seguida, a orientação é mergulhar as colheres na xícara de azeite para, em seguida, começar os outros movimentos de massagem. Confira os passos:

Inicialmente, movimente as colheres na testa, em direção à raiz do cabelo.

Depois, faça movimentos circulares com as colheres suavemente, nas pálpebras.

Na sequência, massageie a região abaixo dos olhos e das maçãs do rosto com movimentos circulares.

Logo após, a sugestão é passar as colheres pelo nariz, em movimentos de cima para baixo.

Por fim, a região do queixo: massageie com movimentos de dentro para fora.

Ao concluir a drenagem, lave bem o rosto.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 


DEIXE UMA RESPOSTA