Estética

Veja como o uso do aparelho abdominal pode ajudar a emagrecer

Por Redação Doutíssima 19/10/2014

Todo mundo já sabe que não existe milagre na tentativa de emagrecer: é preciso praticar exercícios e cuidar da alimentação, evitando a ingestão de alimentos muito calóricos ou gordurosos. Mas, apesar de simples, é difícil seguir isso à risca se você não tem tempo de ir à academia. Nessas horas, o aparelho abdominal pode ser um aliado.

aparelho-abdominal

Equipamento que ajuda a fazer abdominais é importante para exercícios. Foto: iStock, Getty Images

Fazer exercícios em casa pode ser uma solução para encaixar no seu planejamento cerca de 40 minutos de atividades físicas. O aparelho abdominal é ideal para quem faz atividades em casa por ocupar pouco espaço e ser de uso e manuseio muito simples.

 

Além disso, ele é mais seguro do que fazer os exercícios sem o aparelho por proteger a coluna e o pescoço durante a atividade. Ele é o equipamento ideal para qualquer pessoa que deseja perder medidas, afinar a cintura e ficar com a famosa “barriga de tanquinho”.

 

Uso do aparelho abdominal nos exercícios

 

Para obter resultados é preciso seguir a rotina de exercícios e não escorregar na dieta. A indicação do uso de aparelho abdominal, no início, é de intercalar os dias de esforço local. Assim os músculos têm tempo de descansar e se recompor.

 

É importante, caso você não pratique nenhuma atividade física, respeitar seu limite e começar devagar. O esforço demasiado e repetitivo pode causar lesões que comprometem o resultado esperado.

 

Em geral o aparelho abdominal acompanha uma cartilha ou até vídeos que auxiliam na utilização e na criação de um plano. Assim fica muito mais fácil saber quando está na hora de evoluir e aumentar a quantidade ou a intensidade dos exercícios.

 

Estes manuais também indicam todas as possibilidades de uso do aparelho abdominal para exercitar diferentes grupos musculares.

 

Como utilizar o aparelho abdominal

 

Utilize o equipamento sempre em um local amplo e arejado, com bastante circulação de ar para que você não fique sufocado. Antes de iniciar os exercícios, faça algum aquecimento para deixar o corpo preparado e diminuir o risco de lesões e dores.

 

Tente focar e se concentrar na hora do exercício – isto é muito importante para que o esforço tenha maior eficácia. E lembre-se: não existem milagres, o importante é seguir as indicações, fazer corretamente as atividades e acompanhar e manter os resultados a longo prazo.

 

É importante, para a perda de peso e medidas, aliar exercícios de musculação com atividades aeróbicas que aceleram os batimentos cardíacos queimando calorias.

 

É sempre muito importante, também, consultar um médico ou treinador para que ele avalie as melhores atividades para o seu tipo físico e ajude a definir qual a melhor rotina de exercícios. Seguindo as indicações, não existe erro: é cinturinha na certa sem comprometer a saúde.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


Sites parceiros