Qualidade de vida

Dicas de economia ajudam a evitar as compras desnecessárias

Por Redação Doutíssima 09/09/2015

Tempos de crise exigem medidas extremas. Quando a situação financeira aperta, é importante aprender algumas dicas de economia para não deixar o seu dinheiro ir para o buraco.

 

A atual situação da economia eleva essa preocupação. Crise econômica, taxas de juros aumentando sem freio e inflação em patamares altos são situações em que ter total controle sobre seus ganhos e gastos é indispensável para evitar problemas financeiros.

dicas de economia

Para economizar durante o mês, é preciso saber com o que se gasta e onde estão as despesas. Foto: iStock, Getty Images

 

Dicas de economia: como controlar o dinheiro

Se você não tem muita noção de onde o seu dinheiro é gasto, está na hora de montar um orçamento detalhado. Mas antes mesmo de colocar tudo na ponta do lápis, tenha em mente o primeiro passo importante para economizar: não contraia mais dívidas do que já tem.

Aline Nast Lima de Lemos, economista e docente da Universidade Feevale, diz que não é suficiente saber o quanto você gasta por mês. “Tem que saber onde gasta”, adiciona a especialista.

Montar uma planilha de orçamento envolve anotar de forma organizada o quanto você recebe por mês (receita) e todos os gastos. Todos mesmo, até aquele cafezinho no meio da tarde. Depois de saber todos os estabelecimentos e serviços que comeram um pedacinho do seu salário, é preciso observar essa despesa.

Todos os seus gastos podem ser separados em essenciais, investimento e supérfluo. O que precisa de mais atenção na hora do aperto financeiro é o último, já que na maioria das vezes pode ser dispensado.

Ainda há alguns dos gastos essenciais que podem ser reduzidos. Aline menciona água, gás, luz, internet e telefone, serviços que podem ter seu custo reduzido com algumas técnicas de economia e mudança de plano contratado.

Outra forma de economizar é deixar o carro na garagem e se tornar usuário do transporte público. Essa mudança também reduz o seu estresse no trânsito, já que não precisa dirigir e pode apreciar o caminho ou aproveitar para fazer outras coisas, como ler.

Quando a situação não é tão extrema, as atividades de lazer, que são consideradas gastos supérfluos, não precisam ser totalmente excluídas da sua rotina. A sugestão da economista é buscar alternativas que exigem despesas menores.

Dicas de economia na hora das compras

Se você já avaliou detalhadamente o seu orçamento, provavelmente vai perceber que tem muitas compras supérfluas levando seu dinheiro embora. Aline dá algumas dicas de economias para diminuir esse funil de escape:

1. Avalie a necessidade

dicas de economia

Antes de finalizar uma compra, avalie se o item escolhido é realmente necessário. Foto: Shutterstock

Antes de passar no caixa, avalie a real necessidade do item que você vai comprar. Pergunte-se se o item é essencial e se vai trazer algum retorno

2. Negocie descontos

dicas de economia

Por mais que você tenha a quantia para o produto, negocie um preço mais acessível. Foto: Shutterstock

Lojas e estabelecimentos interessados em ganhar um cliente podem sempre fazer uma oferta melhor do que a da etiqueta.

3. Cuidado com o cartão de crédito

dicas de economia

O uso sem necessidade do cartão de crédito pode atrapalhar o orçamento da família. Foto: Shutterstock

Tente ao máximo fazer suas compras à vista. O cartão de crédito é uma armadilha para o seu bolso.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 

 

É fã do Doutíssima? Acompanhe o nosso conteúdo pelo Instagram!


Sites parceiros