[the_ad_group id="16403"]
Especialidades

Primeira vez: descubra se você está preparado para o momento

Por Redação Doutíssima 06/06/2013

A primeira vez é um evento muito importante na vida de qualquer pessoa. Seja ela uma experiência boa ou ruim, é capaz de influenciar o quanto as pessoas gostam de sexo para resto de suas vidas, segundo inúmeras pesquisas.

 

Por isso, é preciso se preparar psicológica e fisiologicamente para o momento, e assim perder a virgindade de uma maneira prazerosa e saudável.

primeira vez

Para perder a virgindade, é preciso se sentir preparada e não ceder à pressão do parceiro. Foto: iStock

 

A primeira vez é a mais importante de todas

Um estudo publicado no Journal of Sex & Marital Therapy sugere que a primeira experiência sexual tem potencial para definir o tom da sua vida íntima para os próximos anos.

A pesquisa incluiu 331 estudantes universitários e revelou que os participantes que avaliaram a perda da virgindade de forma positiva também informaram que suas interações sexuais atuais eram mais gratificantes, tanto física como emocionalmente.

 

Em contrapartida, os participantes que tinham níveis mais elevados de ansiedade e experiências negativas quando perderam a virgindade relataram vidas sexuais menos satisfatórias. Com base nesses resultados, os pesquisadores concluíram que a primeira relação sexual não é apenas um rito de passagem, mas possui implicações que refletem nos anos posteriores.

 

Por isso, antes de pensar em ter sexo, é preciso analisar se é a hora certa. Além disso, é necessário se preparar para esse momento.

 

Preparação é fundamental

Se você está pensando em perder a virgindade, primeiro de tudo deve sentir-se preparado. Ceder à pressão de namorado ou namorada definitivamente não é o melhor motivo. É importante ter confiança e realmente desejar esse momento, caso contrário a ansiedade é capaz de influenciar em sua primeira vez.

 

A falta de preparação para perder a virgindade pode trazer problemas comuns relacionados ao assunto. Por exemplo, quase todas as meninas acham que a primeira vez dói, mas a verdade é que na maioria das vezes isso é causado pela tensão e pela falta de excitação da mulher.

 

Além disso, antes de pensar em perder a virgindade, uma boa ideia é consultar um ginecologista. Ele poderá avaliar sua saúde e dar orientações corretas, como uso de camisinha ou pílulas anticoncepcionais. Afinal, é possível engravidar ou contrair doença sexualmente transmissível em qualquer relação sexual – inclusive na primeira.

 

Um outro ponto fundamental para uma boa experiência é conversar com o parceiro. Fale dos receios e diga que as coisas somente fluirão se ele for devagar e esperar você se sentir pronta. Além disso, se você mudar de ideia na hora e achar que não está preparada, fale com ele e juntos encontrem outra oportunidade para esse momento.

 

Por mais que você tenha refletido sobre o assunto e decidido que essa é a hora correta, ainda assim o sexo pela primeira vez pode ser tenso e estressante. Por isso, faça respirações longas e profundas para relaxar e permitir que as coisas aconteçam com naturalidade.

Além disso, não esqueça de apreciar as preliminares e tudo aquilo que leva à relação sexual – beijo, toque, sexo oral -, afinal o sexo não se resume à penetração.

 

Caso você e seu parceiro estiverem conectados, e também respeitarem um ao outro, conseguirão ter uma experiência incrível e que provavelmente marcará os dois para o resto de suas vidas.


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]