[the_ad_group id="16403"]
Alimentação infantil

Dicas de dieta para colesterol infantil alto

Por Redação Doutíssima 11/02/2014

Problema que antigamente preocupava apenas os adultos, cada dia que passa bem atingindo mais e mais crianças. Os níveis elevados de colesterol infantil.

colesterol infantil

Tudo isso devido à mudança das rotinas e hábitos alimentares das crianças. Antigamente, frutas e verduras eram mais ingeridas e as refeições sempre preparadas na hora pela mãe. Hoje em dia vivemos à base de alimentos congelados e embutidos como hambúrgueres, nuggets, linguiça, salsicha, pizzas entre outros. Os alimentos prontos estão frequentemente presentes nas refeições também, como os salgadinhos de pacote, batatas fritas, refrigerantes, chocolates, bolos e bolachas recheadas, queijos, salames, mortadela e presunto.

Outra mudança que afeta o colesterol infantil é a falta de atividade física. Em outros tempos, as crianças brincavam de correr, pular corda e jogar bola na rua, hoje em dia, o sedentarismo toma conta da grande parte e elas só querem saber de assistir televisão, jogar video-game ou ficar no computador, beliscando guloseimas ainda por cima!

Dieta para diminuir o colesterol infantil

Primeiro de tudo, para combater o colesterol infantil, é preciso que todos da casa estejam à bordo! As compras no supermercado devem mudar. Evite trazer para casa as bolachas recheadas, bombons, salgadinhos, refrigerantes. Procure comprar muitas frutas, bolachas sem recheio, leite, iogurtes, queijo branco e peito de peru.

colesterol infantil

Quando a criança sentir fome, ela irá comer o que tem nos armários da cozinha, então é claro que se tiver guloseimas, ela vai preferir e deixar uma maça de lado, por exemplo.

Nas horas das refeições, dê preferência a produtos frescos e procure preparar diariamente: saladas, legumes cozidos, arroz, feijão,carnes. Se você não possuir tempo para cozinhar todos os dias, prepare alguns pratos durante o final de semana e congele. Você pode fazer isso com o feijão, carnes cozidas, carne moída refogada com legumes, frango e peixes. Se você tem alguém de apoio em casa, faça o cardápio da semana para ela estar informada da luta contra o colesterol infantil.

Outra dica é conseguir seus filhos a consumirem mais sucos naturais, água de coco e muita água. Evite a todo custo os refrigerantes. O que você pode fazer para entrarem em uma acordo é o consumo de refrigerantes somente aos fins de semana.

Fique de olho no lanche escolar. Não adianta comer corretamente em casa e o seu filho extrapolar no período que ele está na escola. Muitas crianças partem para a escola de manhã sem ter tomado o café da manhã e compram salgados e refrigerantes no lanche da manhã. A ingestão destes alimentos todos os dias é uma das maiores causas do colesterol infantil.

É muito importante prestar atenção na alimentação das crianças. Algumas mudanças simples no dia a dia do seu filho vai fazer muita diferença no futuro.

 

Saiba mais:

Colesterol alto: 3 Dicas imperdíveis para baixá-lo

10 Mitos e verdades sobre a alimentação infantil

10 Coisas que você precisa saber sobre a alimentação infantil

Como fazer seu filho comer de forma saudável?

 7 Maneiras de transformar sua alimentação

7 Lanches saudáveis para seu filho levar para a escola

Lanche na escola, o vilão da saúde bucal das crianças

 


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]