E se você tivesse que ficar sem acesso a equipamentos de ginástica, o que faria para manter a forma? Saiba que numa situação assim o burpee seria uma das suas melhores opções.

 

Trata-se de um exercício eficaz e completo para o condicionamento do corpo inteiro. Ele trabalha diversos grupos musculares e, ao mesmo tempo, melhora a resistência e condicionamento cardiovascular.

burpee istock getty images doutíssima
Burpee é composto por três movimentos: agachamento, flexão de braços e salto vertical. Foto: iStock, Getty Images

 

Exercício para o corpo todo

O burpee é composto por três movimentos: agachamento, flexão de braços e salto vertical. É tão exigente que no crossfit, por exemplo, os instrutores o colocam como penalidade para alunos que chegam atrasados às aulas. Esse conjunto de movimentos é capaz de construir definição muscular e melhorar a resistência cardiovascular.

 

Ele tem sido muito usado desde 1939, quando Royal H. Burpee inventou um movimento corporal com o objetivo de criar uma maneira rápida e simples de administrar testes de aptidão, incluindo-o em sua tese de doutorado em fisiologia pela Universidade de Columbia.

 

Durante a Segunda Guerra Mundial, os militares americanos usaram-no como parte de seu teste de aptidão para ingressar no serviço. Aqueles que entravam nas Forças Armadas tinham que fazer burpees por 20 segundos. Alguns anos mais tarde, eles elevaram a exigência para 60 segundos. Foi assim que começou a tradição de burpees como uma forma de punição esgotante.

 

Para fazê-lo, você deve fazer um agachamento, colocar as mãos à frente e apoiando o corpo nelas, levar os pés para a posição de prancha. Logo depois, faz-se uma flexão e volta-se à posição de agachamento, tudo isso seguido de um salto. O segredo é fazer essa sequência no menor tempo possível.

 

Benefícios do burpee

Muitas variações foram adicionadas desde sua criação. Ele continua a ser um dos melhores exercícios para treino de corpo inteiro. Publicado no Journal of Strength and Conditioning Research, um pequeno estudo analisou 11 homens e mulheres e comparou neles os efeitos de um treino de burpees contra uma rotina cardio com bicicleta estacionária.

 

Os pesquisadores descobriram que fazer burpees por 30 segundos proporciona benefícios cardiovasculares semelhantes aos de uma forma mais tradicional de treino de cardio. A diferença é que os burpees também contam como exercício de força, recrutando os músculos do seu corpo e núcleos superior e inferior.

 

Veja mais alguns dos benefícios desse exercício:

 

– Força

 

Ele é ótimo para construção e fortalecimento dos músculos. Cada movimento utiliza uma série de músculos, incluindo trapézios, parte inferior das costas, peitorais, deltoides, tríceps, isquiotibiais, glúteos, panturrilhas, quadríceps e músculos abdominais.

 

– Flexibilidade

 

É uma forma eficaz de aumentar a flexibilidade nas costas, quadris, pernas e núcleo.

 

– Tônus muscular

 

Como é um exercício de alta intensidade, o tônus ​​muscular irá melhorar na maioria das partes do corpo, resultando em uma aparência mais bonita. O condicionamento do corpo também irá melhorar.

 

– Perda de peso

 

Quando burpees são realizados em alta intensidade, a frequência cardíaca pode aumentar significativamente. Estudos sugerem que exercícios de burpee queimam até 50% mais gordura do que exercícios convencionais e também são capazes de aumentar o metabolismo.

 

– Economia

 

Você não precisa de equipamentos para fazer burpees. Assim como flexões e abdominais, ele pode ser feito em qualquer lugar e a qualquer hora. Tudo que você precisa é do seu corpo e muita determinação.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre burpee? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 


DEIXE UMA RESPOSTA