Exercícios

Desvende os benefícios da caminhada rápida para emagrecer

Por Redação Doutíssima 30/11/2015

Quando se está fazendo de tudo para economizar, geralmente o gasto com academia é um dos primeiros a ser cortado do orçamento. A caminhada rápida vira então uma boa alternativa para continuar praticando exercício físico sem gastar nada.

Benefícios da caminhada

A caminhada se tornou uma opção para substituir a academia e, ao mesmo tempo, aproveitar os parques e áreas ao ar livre.

caminhada-rapida-doutissima-istock-getty-images

Ao escolher a roupa para a prática, opte por tênis confortáveis e peças leves. Foto: iStock, Getty Images

Um estudo realizado pela Universidade de Havard, nos Estados Unidos, mostrou que a caminhada em uma velocidade moderada durante 30 minutos por dia pode diminuir em até 40% os riscos de doenças cardíacas em mulheres.

O exercício traz diversos benefícios para o praticante. Previne diabetes, fortalece os ossos, melhora sintomas de depressão, aumenta o condicionamento físico, previne invalidez na terceira idade, melhora a qualidade do sono e ainda previne acidente vascular cerebral.

Tipos de caminhada rápida

Saiba mais sobre alguns tipos de caminhada rápida e escolha qual praticar:

Intermediária

 

A caminhada rápida intermediária é um exercício realizado ao percorrer entre 5,5 a 7 quilômetros por hora. Por ser uma forma mais rápida, ajuda na perda de peso de maneira moderada se praticada com frequência.

O exercício trabalha quadris, nádegas, costas, abdômen e a musculatura do tronco e dos membros superiores.

Vigorosa

 

Também existe dentro da caminhada rápida uma forma mais veloz de praticar o exercício. A caminhada vigorosa é realizada em cerca de 7 a 9,5 quilômetros por hora. Por se tratar de uma pratica mais rápida, o desempenho atlético é maior e, ao mesmo tempo, possui menos risco de lesão que a corrida.

 

A respiração se torna mais profunda e forte e, os passos, mais rápidos e curtos. Esse tipo de caminhada intensifica o gasto calórico e trabalha mais as pernas que a intermediária.

Cuidados na prática da caminhada rápida

Ao escolher a roupa para a prática, opte por tênis confortáveis e peças leves, que não impeçam os movimentos. Por se tratar de um exercício que necessita periodicidade, o indicado é que exista uma regularidade mínima de três vezes por semana na prática.

 

Com essa consistência, é possível que uma mulher de 55 kg praticando uma caminhada rápida tenha uma perda de 400 calorias em cerca de uma hora de caminhada.

O protetor solar e o boné são itens obrigatórios em dias quentes e ensolarados. A garrafinha de água é outro artigo que não pode faltar. Lembre-se de se alimentar corretamente antes de praticar qualquer atividade. Fazer exercício em jejum pode resultar em tonturas e desmaios. Consulte um nutricionista para ajudar nesse quesito.

Tome cuidado com passos largos, a forma que pisa no chão e com a sua postura. Praticar a caminhada rápida exige prudência como qualquer exercício físico. É necessário que se pise primeiro com o calcanhar e com o resto do pé consequentemente, prestando atenção em sua postura a todo momento.

 

Caminhe como se estivesse olhando a 20 m à frente. Quando o pé direito ir à frente, o braço esquerdo vai também e vice-versa. O alongamento é essencial antes de começar sua caminhada. Ele ajuda a sua agilidade e aquece os músculos para começar a prática e também após o exercício, assim, prevenindo lesões. 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 


Sites parceiros