[the_ad_group id="16401"]
Sexualidade

Sexo à distância e ao alcance do seu smartphone: veja dicas

Por Redação Doutíssima 24/04/2013

Relacionamentos de longa distância não precisam significar o fim de sua vida sexual. O sexo à distância pode ajudar e muito a intimidade nesses casos. E para facilitar essa tarefa há uma série de aplicativos de celular e outros dispositivos que prometem diminuir distâncias e criar uma experiência excitante, próxima da realidade e de muito prazer.

 

Parceiros distantes? Pode funcionar!

É bastante comum as pessoas falarem que relacionamentos à distância estão fadados ao fracasso. Muitos acreditam que quando duas pessoas namoram e não estão próximas geograficamente para partilhar intimidades, esse amor possui prazo de validade. Acontece que muitas pesquisas vêm desconstruindo esse mito.

sexo à distância istock getty images doutissima

Aplicativos de celular e outros dispositivos que prometem diminuir distâncias. Foto: iStock, Getty Images

De acordo com uma pesquisa conduzida pela Queen’s University, casais que vivem próximos e distantes manifestam o mesmo nível de satisfação com o relacionamento – inclusive no aspecto sexual. Para chegar a essa conclusão, foram questionadas 717 pessoas que mantinham relacionamentos à distância e 425 pessoas que mantinham relacionados “cara a cara”.

 

Um artigo publicado no Journal of Communication, em 2013, é capaz de explicar o motivo disso acontecer e que esse tipo de relacionamento é capaz de funcionar. Segundo os pesquisadores, são dois os fatores que contribuem: pessoas que se amam à distância contam ao parceiro mais informações íntimas e também possuem uma visão mais idealizada do companheiro.

 

Muitas pesquisas indicam que o sexo não é a parte mais fundamental dentro de um relacionamento, mas quando se trata de uma relação à distância sem dúvidas esse aspecto é um dos mais afetados. É por isso que saber como fazer sexo à distância é imprescindível para fazer as coisas darem certo.

 

Como melhorar o sexo à distância?

A tecnologia está em constante evolução e as pessoas são quase unânimes quando falam que ela é capaz de encurtar distâncias. Ela também torna o sexo à distância cada vez mais satisfatório e real para aqueles que não estão próximos da pessoa amada.

 

Você tem um bom smartphone? Então saiba que esse pequeno aparelho é capaz de revolucionar a vida sexual dos casais que não podem ter um contato pele a pele. Confira algumas dicas para tirar o máximo desses aparelhos.

 

1. Vibrador à distância

 

Você já ouviu falar no Vibease? Não se trata de um produto novo, mas ele é capaz de revolucionar o modo como dois parceiros se relacionam à distância.

Basicamente funciona assim: a mulher adquire o vibrador e baixa o aplicativo, e o homem também baixa o mesmo app no celular. A partir daí ela consegue conectar o vibrador ao smartphone via bluetooth e autorizar que o parceiro controle as vibrações à distância pela internet, a partir do seu próprio aparelho.

 

2. Prazer para ambos

Você não acha justo que só as mulheres tenham alguma satisfação? Uma alternativa é o LovePalz, que vem com um dispositivo em forma de pênis para que a mulher o utilize, e um dispositivo em forma cilíndrica para a alegria dos homens. Eles são simultaneamente conectados aos smartphones dos parceiros, que então podem controlá-los como desejarem.

 

3. Sexting

Praticar sexting, que em tradução livre seria algo como “sexo por mensagem“, não é apenas para casais que vão se encontrar ao vivo. Muitas pesquisas demonstram os benefícios dessa prática dentro de um relacionamento.

É possível aplicá-la também para tornar o sexo à distância mais agradável à noite – principalmente se você tiver algum dispositivo especial como os citados acima.

 

4. Vídeos

Caso você não esteja muito aberta às novas tecnológicas ou tendências, é possível recorrer a simples aplicativos de vídeos para transmitir imagens em tempo real para seu parceiro quando vocês não conseguem estar próximos um do outro. A troca de palavras picantes aliada à transmissão ao vivo é capaz de deixar ainda mais real essa experiência.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre sexo à distância? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]