Especialidades

Prevenção e tratamento: aprenda a fazer exercícios contra a osteoporose

Por Mayara Pinheiro 05/03/2014

Doença que tem efeito devastador e atinge principalmente mulheres na pós-menopausa pode ser evitada. Saiba mais sobre exercícios contra a osteoporose

 

exercícios contra a osteoporose

 

Seja em qualquer idade, o exercício físico é essencial para a manutenção de ossos saudáveis. Se você já se exercitou regularmente quando era criança, jovem mesmo já adulto, provavelmente contribuiu bastante para fortalecer a sua estrutura óssea, o que em geral pode ser feito até os 35 anos. Agora, se você continuou a se exercitar na meia-idade, você provavelmente ajudou a reduzir o risco de desenvolver a osteoporose.

A osteoporose é uma doença óssea metabólica que afeta especialmente as mulheres na pós-menopausa, resultando em efeitos devastadores no corpo da pessoa. A Organização Mundial de Saúde (OMS) define a osteoporose como uma doença esquelética, caracterizada por redução da massa óssea e com alterações da microarquitetura do tecido ósseo, o que leva a uma diminuição da resistência óssea e aumento da suscetibilidade a fraturas.

 

Mitos e verdades sobre a osteoporose

 

Mito: a osteoporose não causa sérios problemas de saúde

 

Verdade: a osteoporose é uma doença óssea, que muitas vezes resultam em fraturas dolorosas e debilitantes. Estas lesões podem ter consequências significativas a longo prazo, deixando os indivíduos com dor crônica, perda de altura, e dificuldade em desenvolver as atividades do cotidiano, como se vestir, tomar banho ou mesmo caminhar.

 

Existem exercícios contra a osteoporose?

 

exercícios contra a osteoporose

 

Embora as pessoas com osteoporose acreditem que os exercícios físicos aumentam o risco de lesões, como a fratura de ossos, a realidade é exatamente o oposto. Um programa de exercício regular, devidamente desenvolvido e acompanhado por um fisioterapeuta pode realmente ajudar a prevenir as quedas. Isso porque o exercício fortalece os ossos e músculos, melhora o equilíbrio, a coordenação e a flexibilidade, o que é especialmente importante para os adultos e idosos que foram diagnosticados com a doença.

É importante lembrar que nunca é tarde para começar um programa de exercícios contra a osteoporose, com o objetivo de manter a estrutura óssea saudável, mesmo se você já tenha sido diagnosticado ou está em alto risco de desenvolver a doença.

 

Tratamento, fisioterapia e exercícios contra a osteoporose

 

exercícios contra a osteoporoseSe você tem osteoporose ou está em fase de desenvolvimento da doença, seu medico deverá te encaminhar para a fisioterapia, para possa definir quais são os exercícios de fortalecimento mais adequados ao seu caso. Estudos feitos em mulheres na pós-menopausa apontam que o aeróbico, exercício de treinamento e levantamento de peso podem aumentar a densidade mineral óssea na coluna. Já um programa simples caminhada pode aumentar a densidade mineral óssea na coluna e quadril.

Dieta: associado aos exercícios contra a osteoporose, o medico também deve interferir na alimentação do paciente. Serão incluídas uma suplementação de cálcio e de vitamina D, além do aumento da ingestão de alimentos ricos em cálcio, como leite, iogurte e queijo.

 

Conheça alguns exercícios para tratar prevenir a osteoporose

 

  • Caminhada: indicado um trajeto de 50 minutos de 3 a 5 vezes por semana, para garantir o condicionamento cardiorrespiratório e manter a musculatura e a circulação ativa;

 

  • Fortalecimento muscular: com o levantamento de peso, que faz você trabalhar contra a gravidade podendo ser feito em pé, sentado, ou mesmo de bruços;

 

  • Atividades sem impacto: são indicados também treinos de equilíbrio e exercícios para a postura, pois eles aumentam a força muscular e diminui o risco de quedas e de fraturas;

 

  • Pilates e RPG: podem contribuir, mas desde que sejam feitos sem intensidade;

 

É importante lembrar que, antes de iniciar qualquer programa de exercícios, é importante se submeter a um exame clínico completo para determinar quais atividades são seguras para você. Cada protocolo de exercícios deverá ser adaptado especificamente para o paciente com base em uma avaliação clínica, levando sempre em considerações se o paciente apresente alguma outra condição crônica que pode afetar no desempenho dos exercícios contra a osteoporose, como por exemplo a obesidade, pressão alta, doenças cardíacas, entre outras.

 

Saiba mais:

 

Como evitar a osteoporose

Remédios contra a osteoporose previnem fraturas?

Alimentos para afastar a osteoporose

Saiba mais sobre a cifoplastia: indicada para fraturas da osteoporose

Osteoporose em homens: um problema osso duro (ou não!)

Aprenda 5 funções dos ossos do corpo humano

Saúde dos ossos: café, álcool, sal e outros alimentos são grandes vilões


Sites parceiros