[the_ad_group id="16401"]
Estética

Tratamentos antirrugas devem ser utilizados em várias fases da vida

Por Redação Doutíssima 01/06/2014

As rugas são um processo natural do envelhecimento humano, embora sua aparição deixe as pessoas insatisfeitas com a sua pele, especialmente as mulheres. A boa notícia é que existem diferentes tratamentos antirrugas que podem corrigir ou mesmo prevenir o problema.

Assim, o segredo do sucesso nos tratamentos antirrugas é não deixar para reagir tarde demais, quando a pele já está com aspecto bastante envelhecido. Procure conhecer todas formas de tratamentos antirrugas existentes, escolha a que mais se adapta às suas necessidades e comece a cuidar da sua pele hoje mesmo.

Tecnologia coloca à disposição das mulheres uma série de tratamentos antirrugas. Foto: Shutterstock

Tecnologia coloca à disposição das mulheres uma série de tratamentos antirrugas. Foto: Shutterstock

Creme antirrugas

O principal dos tratamentos antirrugas consiste no uso de cremes específicos para esta finalidade. Encontrado em farmácias, drogarias e até na internet, o seu uso diário é indispensável, aliado à menor exposição solar, uso de protetor solar e de óculos de sol, o que gera uma harmoniosa combinação de tratamentos antirrugas.

Recentemente, um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Manchester, na Inglaterra, comprovou a eficácia do creme no cuidado com a pele. O estudo testou um determinado produto em 60 voluntárias que já tinham a pele afetada pelo sol. O resultado: o uso diário por um ano reduziu as rugas em 70%. O cosmético alvo da pesquisa, que tem em sua fórmula derivados de retinol (vitamina A), peptídeos e antioxidantes, ainda não é vendido no Brasil.

Outros tratamentos antirrugas

Assim como aumenta o número de pessoas procurando auxílio dermatológico para o controle das rugas, cresce também a quantidade de tratamentos antirrugas disponíveis. Conheça seis deles e não perca tempo em procurar seu médico:

1. Ultraterapia: indicado principalmente para rugas profundas, proporciona estímulos contínuos por meio de um aparelho de ultrassom. Promove o aquecimento superficial da pele, de forma a reorganizar o colágeno e deixar a pele mais lisinha.

2. Ácido acetil salicílico: ele é base de muitos cremes antirrugas, com indicação especial para a incidência ao redor dos olhos. Facilita a renovação das células, deixando a pele com aspecto mais jovial. Tem poder esfoliante e limpa os poros de forma profunda.

3. Revitalifting: é opção entre os tratamentos antirrugas para o rosto, promovendo a drenagem dos líquidos e a nutrição celular. Após aplicação de máscara e de ativos desintoxicantes, a produção de colágeno é ativada por uma massagem que melhora o tônus cutâneo e minimiza as rugas e marcas de expressão.

4. Toxina botulínica: a injeção de botox é indicada como tratamento de rugas do terço superior do rosto. A substância paralisa a contração muscular e, assim, o rosto entra em uma fase de repouso, atenuando as rugas. Seu efeito dura até seis meses.

5. Radiofrequência: a emissão de uma onda de rádio atua em profundidade, aquecendo os tecidos de sustentação da pele e contraindo as células de gordura. Assim, o método pode redefinir o contorno do rosto.

6. Peeling químico: atua na remoção de camadas da pele com a aplicação de uma substância química de forma superficial, média ou profunda. É usual não apenas para os tratamentos antirrugas, como também em acnes e cicatrizes.

Tratamento caseiro

Por fim, não é possível deixar de citar que você pode realizar tratamentos antirrugas em sua própria casa. Quer saber como? Comece hoje mesmo a consumir alimentos ricos em proteínas que favorecem a formação de fibras de colágeno e elastina – responsáveis por dar sustentação à pele.

Entre eles, estão as frutas cítricas, a linhaça, peixes como atum e salmão, castanha, nozes e amêndoas, iogurte natural e outros que são fonte de vitamina A, como abóbora, cenoura, melão e pêssego.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!

 

Saiba mais:

 

5 Dicas para escolher o protetor solar corretamente

Base com protetor solar e protetor com cor de base: qual a diferença?

Proteção para a pele: veja dicas importantes sobre o uso de protetor solar

Sol e vitamina D: aliados naturais da sua saúde

Como tomar sol no verão sem estragar a pele

Conheça os perigos de usar óculos de sol falsificados

Como escolher os óculos de sol que combinam com o seu rosto


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]