Exercícios

Conheça os principais exercícios físicos que favorecem a flexibilidade do corpo

Por Redação Doutíssima 17/08/2014

Com o passar dos anos, muita coisa muda em nosso corpo. Coisas que conseguíamos fazer com facilidade há cinco ou dez anos são difíceis hoje. Isso tem uma causa: com o envelhecimento, perdemos um pouco da nossa flexibilidade.

Mas a boa notícia é que podemos retardar esta ação do tempo por muitos anos. Quer saber como? Pois veja as nossas dicas de exercícios que contribuem para manter o corpo flexível.

flexibilidade

Flexibilidade é muito importante para qualidade da saúde e prática de esportes. Foto: Shutterstock

O que é flexibilidade?

Nada mais é do que a capacidade dos nossos músculos de se esticar. A amplitude do movimento das articulações pode ser limitada por vários fatores, alguns de origem estrutural, alterando outros músculos na área.

A flexibilidade é muito importante para a qualidade da saúde e na prática de esportes. O envelhecimento e a inatividade tendem a reduzir a amplitude de movimento articular ou mobilidade das nossas articulações. Com o tempo, essa perda pode afetar a capacidade de realizar atividades da vida diária, como flexão ou alongamento para fazer coisas cotidianas.

Mulheres possuem vantagem

Um fato particular é que as mulheres, provavelmente favorecidas por sua anatomia, têm uma maior flexibilidade do que os homens. Estudos em adolescentes sugeriram que esta diferença entre homens e mulheres pode ser devido ao aumento muscular durante a última fase de crescimento.

No entanto, sabe-se que o exercício constante e contínuo, tanto em homens quanto em mulheres, e em todas as idades, oferece benefícios consistentes para ser mais flexível.

Exercícios que contribuem com a sua flexibilidade

Alongamento

O alongamento pode ajudar a melhorar a amplitude dos movimentos nas articulações. Com isso, é possível melhorar o seu desempenho em atividades físicas ou diminuir o risco de lesões, ajudando as suas articulações se moverem através de movimentos completos e permitindo que seus músculos trabalhem de forma mais eficaz.

O alongamento também aumenta o fluxo sanguíneo para o músculo. Assim, você vai poder desfrutar de um ritual de alongamento antes ou depois de fazer alguma atividade física ou até mesmo depois de ficar horas em uma mesma posição. Fazer um bom alongamento ao acordar e antes de dormir pode ser uma ótima solução para se manter flexível.

Yoga

Este método milenar é uma ótima maneira de deixar o corpo mais flexível. Através de um exercício que envolve o corpo e a mente, a yoga trabalha várias partes do corpo durante as suas asanas, ou posturas da yoga.

Com a respiração correta e fazendo algumas posições que sustentação do corpo, este método pode ajudar a fortalecer os músculos e com isso contribuir com a flexibilidade do corpo. Além disso, a yoga é um ótimo alongamento, o que contribui ainda mais para a manutenção de um corpo flexível.

Pilates

O pilates é conhecido por ajudar as pessoas a desenvolver a força e a flexibilidade do corpo. O conjunto de movimentos do pilates inclui exercícios que aumentam a capacidade do corpo de esticar-se.

A força é muito importante também, já que ajuda a manter a integridade física e o alinhamento dos músculos, aumentando a amplitude dos movimentos das articulações. Todos os exercícios do pilates promovem o fortalecimento muscular e, de quebra, nos deixam mais flexíveis.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


Sites parceiros