[the_ad_group id="16403"]
Remédios Caseiros

Aprenda soluções caseiras que agem diretamente nos sintomas da amigdalite

Por Redação Doutíssima 13/10/2014

Quando você vai engolir algum alimento e sente aquela dor ou desconforto na garganta, isso pode ser um sinal de amigdalite. Essa condição acontece quando há uma infecção bacteriana ou viral nas amígdalas, nódulos linfático, localizados em ambos os lados do pescoço. O grau de gravidade da doença pode ser leve, moderado ou grave.

amigdaliteDor de garganta é comum em gripes, mas pode ser um sintoma de amigdalite. Foto: iStock, Getty Images

Sintomas, transmissão e tratamento da amigdalite

As crianças são particularmente suscetíveis à amigdalite, mas ela pode ocorrer em pessoas de qualquer idade. Os seus sintomas mais comuns são dor de garganta, febre, dor nas amígdalas, coriza, congestão nasal, tosse e espirros.

Esta é uma doença altamente contagiosa, transmitida através de gotículas no ar, pela tosse ou espirro, ou através do contato social. No caso de amigdalite crônica, ocorre um aumento das amígdalas, muitas vezes acompanhado de ataques repetidos de infecção.

Quando os sintomas são percebidos, a enfermidade deve ser tratada imediatamente, com a orientação de um médico. Há muitos medicamentos que podem ser recomendados, mas você pode controlar os sintomas em casa, usando receitas naturais que combatem a infecção. Veja alguns deles:

Receitas caseiras para combater os sintomas da amigdalite

– Água e sal

O melhor e mais comum remédio para amigdalite é o gargarejo com água morna e sal. A água ter um efeito calmante e o sal ajuda a matar o vírus ou as bactérias. Além disso, o sal também reduz a inflamação, proporcionando um alívio imediato.

Para preparar a solução, misture uma colher de chá de sal de cozinha em um copo de água morna. Faça gargarejos com a mistura, sem engolir. Repita este método várias vezes ao dia para uma rápida recuperação.

– Limão

O limão é um antiviral, já que possui propriedades antibacterianas e anti-inflamatórias, que tratam da infecção e da inflamação. Além disso, o seu elevado teor de vitamina C melhora a resistência do organismo à infecção. Em um copo de água morna, adicione o suco de um limão, uma pitada de sal e uma colher de chá de mel.

Beba a mistura lentamente, duas vezes por dia durante alguns dias. Outra alternativa é polvilhar um pouco de sal e pimenta em uma fatia de limão e depois chupá-la. Faça isso duas ou três vezes por dia.

– Manjericão

O manjericão é um outro remédio caseiro muito eficaz, devido ao seu potencial antiviral e anti-inflamatório. Além disso, suas propriedades curativas e calmantes podem ajudar a reduzir o inchaço e a dor e acelerar o processo de cicatrização.

Adicione 10 a 12 folhas de manjericão em meia xícara de água e ferva por 10 minutos. Coe e acrescente o suco de um limão na solução. Opcionalmente, adicione uma colher de chá de mel para adoçar. Beba a infusão três vezes por dia, durante dois a três dias.

– Canela

A canela pode ser utilizada para o tratamento de amigdalite, já que é rica em propriedades antimicrobianas, ou seja, inibe o crescimento de bactérias. Além disso, a canela pode reduzir o inchaço, dor e inflamação.

Adicione uma colher de chá de canela em pó em um copo de água quente. Misture duas colheres de chá de mel. Beba a mistura lentamente, enquanto ela ainda está quente, duas vezes ao dia, até melhorarem os sintomas.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]