[the_ad_group id="16401"]
Especialidades

Menstruação atrasada: como saber o que está acontecendo

Por Redação Doutíssima 03/12/2014

Quando chega o dia e a menstruação não vem, é sinal de alertaalgo não está dentro da normalidade. A gravidez é, sem dúvida, a primeira preocupação, porém existem muitas outras situações que podem influenciar a menstruação atrasada.

 

Menstruação atrasada nem sempre é gravidez

 

Estresse, abalos emocionais e outros problemas de saúde podem desencadear o atraso. Um ginecologista sempre deve ser consultado, seja por aumento ou diminuição do fluxo menstrual ou mesmo por sua ausência.

Nem sempre um bebê pode ser a causa do atraso. Foto:iStock, Getty Images

Nem sempre um bebê é a causa do atraso. Foto:iStock, Getty Images

 

6 possíveis causas da menstruação atrasada

 

Veja alguns fatores que podem causar atraso no seu ciclo menstrual:

 

1. Gravidez

 

Quando a menstruação não desce, qualquer mulher sexualmente ativa vai cogitar a possibilidade de estar grávida. A falta de menstruação é um dos primeiros sinais de gravidez.

 

Mesmo assim, muitas mulheres seguem com alguns escapes e pequenos sangramentos ao longo do primeiro trimestre e acabam pensando que isso é menstruação. Então, menstruação atrasada pode ser, sim, um bebê a caminho!

 

2. Mudança brusca de peso

 

Oscilações muito rápidas no peso causam também alterações hormonais, seja no ganho ou na perda de muito peso, e isso pode ser a causa da sua menstruação atrasada.

 

Isso ocorre porque as células de gordura contribuem para a produção do hormônio feminino chamado estrogênio, que é o responsável pelo amadurecimento dos óvulos. Uma alteração brusca interfere na sua produção e logo altera o dia da menstruação.

 

No caso da obesidade, o problema ocorre pelas mesmas causas descritas acima. Porém, a obesidade pode agravar a situação. O excesso de tecido adiposo faz com que o estrogênio trabalhe mais que o normal e este excesso pode inibir a liberação dos óvulos. A falta de ovulação faz com que a mulher passe períodos (ou meses) sem menstruar.

 

3. Ansiedade e estresse

 

Essa dupla do barulho promove uma enorme bagunça no organismo. Além de causar diversos sintomas desagradáveis, esses fatores emocionais podem afetar negativamente a produção de hormônios.

 

O estresse, palavra tão presente na rotina de trabalho, família, estudos, casa, finanças e privação do sono, pode causar a falta de ovulação, deixando você sem menstruar em determinado mês. Tomar o anticoncepcional errado ou uma camisinha se romper também podem gerar um nível de estresse pelo medo da gravidez e deixar a menstruação atrasada.

 

4. Infecções ou doenças

 

A menstruação atrasada pode ser resposta do organismo para algumas doenças, não necessariamente graves. Gripes, resfriados, viroses comuns, infecções simples como amigdalites, cistites, infecção urinária já podem ser suficientes para desregular o seu ciclo menstrual.

 

Remédios também podem interferir e desregular a menstruação, como os corticoides, antidepressivos, imunossupressores, entre outros. Os antibióticos não estão na lista destes medicamentos, sendo comum o atraso ocorrer por conta da infecção e não pelo seu uso.

 

5. Excesso de atividade física

 

Atletas e mulheres que treinam esportes de alto rendimento podem sofrer com a menstruação atrasada. O excesso de atividades físicas altera o ciclo menstrual, também em função da produção diferente dos hormônios.

 

6. Menopausa

A palavra já assusta grande parte das mulheres, mas o fato é que ela chega. Geralmente entre os 45 e 55 anos de idade. Por algum motivo, algumas mulheres podem sofrer esse processo antecipadamente a partir dos 40 anos e um dos sintomas, é a irregularidade do ciclo menstrual ou ausência de menstruação.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]