[the_ad_group id="16401"]
Estética

Conheça as melhores práticas de limpeza de pele para o verão

Por Redação Doutíssima 05/12/2014

Sol, praia, piscina. Uma combinação que pode ser desastrosa para sua pele. Se você não tomar nenhum cuidado, como a limpeza de pele, por exemplo, corre o risco de terminar o verão com manchas, ressecamento, linhas de expressão pra lá de carregadas e até parecendo mais velha. Mas, calma!

 

Antes de você apelar para a burca – roupa preta usada pelas mulheres muçulmanas que as tampam dos pés à cabeça – saiba que tomar alguns cuidados diários pode te ajudar a ficar linda na estação mais quente do ano!

 

limpeza-de-pele

Cuidar da pele evita complicações, como manchas. Foto: iStock, Getty Images

Importância da limpeza de pele

 

Ter o protetor do solar e a limpeza de pele como seus amigos do peito é indispensável. O primeiro é vital em todos os dias do ano, mas especialmente no verão quando os raios ultravioletas são mais fortes e aumentam os danos contra a pele.

 

O filtro também protege contra a radiação solar, evita manchas e previne rugas. Já a limpeza de pele ajuda na renovação celular e também auxilia na prevenção de cravos e espinhas.

 

Limpeza de pele no consultório ou em casa

 

Você pode optar em buscar a ajuda de uma esteticista ou de uma dermatologista para fazer sua limpeza de pele. No consultório, é possível fazer a remoção mais profunda de cravos e espinhas. Mas, caso deseje economizar, você pode fazer uma limpeza em casa mesmo.

 

Veja o que você deve considerar ao fazer uma limpeza de pele caseira:

 

1. A pele se renova

 

A pele é capaz de se renovar a cada 30 dias e é por isso que quanto mais saudável você mantém a primeira camada, melhor será a renovação celular. Então, abuse da água, seja bebendo 2 litros por dia, ou lavando o rosto de duas a três vezes por dia.

 

2. Sabonete adequado

 

Para potencializar o efeito da lavagem do rosto, use um sabonete adequado para a face. Você encontra opções em barra, que são mais baratas, e os líquidos. Aplique um pouco na mão e passe no rosto, massageando bem. Depois enxágue com água fria.

 

Importante: nunca use água morna para lavar o rosto, os poros dilatam e ficam mais suscetíveis a cravos e espinhas.

 

3. Soro fisiológico

 

Depois de fazer essa limpeza de pele, use soro fisiológico gelado. Ele ajuda a fechar os poros e a hidratar a cútis. O uso de um hidratante é aconselhável se a limpeza for à noite. Durante o dia, use protetor solar.

 

4. Esfoliação

 

Uma boa limpeza de pele depende de uma ótima esfoliação. Como esse procedimento é um pouco mais invasivo, o ideal é fazê-lo a cada 15 dias. Você encontra produtos específicos para a esfoliação da pele, eles podem ser em gel ou em creme.

 

É possível ainda usar a técnica da vovó, em que você coloca um pouco de açúcar em um creme e espalha pelo rosto, mas não aperte. Seja delicada.

 

5. Pele oleosa

 

Para quem tem a pele muito oleosa também é indicado o uso de loções tônicas e adstringentes. Prefira as loções, elas são menos agressivas e não contam com álcool na fórmula – álcool além de arder ao contato com a pele, principalmente, se houver lesões, também pode provocar o surgimento de manchas.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]