[the_ad_group id="16401"]
Medicina Alternativa

Conheça os melhores remédios caseiros com sálvia

Por Redação Doutíssima 15/12/2014

Além de ser um tempero muito usado para preparar diversos pratos, a sálvia é bastante usada para curar feridas, como aquelas que atingem a cavidade bucal e a garganta. Mas os benefícios dessa planta vão muito além desses, tornando-a um ótimo ingrediente para remédios naturais.

 

Principais benefícios da sálvia

 

A erva é uma excelente alternativa para tratar diversos tipos de condições. Ela estimula a circulação do sangue, equilibra o sistema nervoso e tonifica o sistema digestivo. Por isso, é uma opção interessante para pessoas com cansaço, transtornos nervosos, diarreia ou hemorragias.

 

salvia

Sálvia pode ser usada também em uma série de remédios caseiros. Foto: iStock, Getty Images

A sálvia também é uma fonte de estrogênio, sendo indicada para o tratamento de transtornos femininos como a menopausa, já que se mostra como alternativa aos tratamentos hormonais que usam estrógeno sintético. A planta, como opção natural, atua nos sintomas como as náuseas, os suores e os “calorões”.

Não bastassem todos esses benefícios, estudos indicam que a erva possui propriedades antidiabéticas, e que seu consumo é capaz de diminuir os níveis de açúcar no sangue. É preciso atenção, porém, porque essa planta é contraindicada nos primeiros meses de gravidez e também ao longo da amamentação – nesse último caso porque ela pode bloquear a produção de leite.

Quer saber como preparar remédios caseiros usando esse ingrediente? Confira abaixo.

 

Principais remédios caseiros com sálvia

 

Cansaço

Se você anda extremamente cansado, sem disposição para nada, talvez a sálvia seja a salvação, principalmente porque ela ativa a circulação do sangue e equilibra o sistema nervoso.

Para isso, você deve ferver 10 gramas de folhas por aproximadamente três minutos em um litro de vinho branco. Depois, será necessário um pouco de disciplina: você precisará tomar duas colheres dessa mistura a cada meia-hora, durante três dias – mas calma, não precisa acordar durante a noite para ingeri-la.

Caso não tenha essa necessária disciplina, uma boa alternativa é fazer um remédio um pouco mais elaborado. Cozinhe um pouco de sálvia, um pouco de erva-cidreira, meia raiz de valeriana e 5 gramas de alecrim em um litro de água. Depois de esfriar, beba essa mistura. Você deverá tomar uma xícara em jejum, isto é, ao acordar, e outra após as refeições.

Menstruação irregular

As propriedades adstringentes da sálvia fazem dela uma boa alternativa para regular a menstruação. Coloque aproximadamente 90 gramas em um litro de vinho tinto, deixe fechado e descansando por uma semana. Depois, você deverá começar a tomar uma colher depois de cada refeição e em algum tempo já será capaz de perceber os benefícios.

Diabetes

Caso você precise baixar os níveis de açúcar no sangue, a erva é uma alternativa interessante. Para obter esses benefícios, você não precisa se preocupar em fazer um remédio caseiro: basta adicioná-la como um tempero em suas comidas.

De todo modo, em razão da gravidade dessa doença, é necessário consultar o médico e perguntar se há alguma interação com eventuais medicamentos que você esteja consumindo.

Dor de garganta

A dor de garganta é uma das piores consequências de um resfriado ou de uma gripe. E, para acabar com esse incômodo, a sálvia é uma importante aliada. Para isso, você precisará apenas fazer gargarejos com uma mistura de vinagre de maçã com chá dessa planta.

Saúde bucal

Para melhorar a saúde bucal, você pode fazer enxágues bucais com o chá da erva, ou então mastigar folhas frescas para refrescar seu hálito. Com esse hábito, você estará prevenindo a ocorrência de aftas e gengivite.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]